Copa Verde começa com poucos gols

Na primeira fase da Copa Verde, os jogos de ida tiveram poucos gols. E no estádio Maria Abadia (DF), o Luverdense-MT venceu por 1 a 0 o time da casa, Ceilândia-DF. O gol saiu aos 6 minutos do segundo tempo e foi marcado pelo camisa 3 do Luverdense, Vinícius. O atual campeão, o Paysandu-PA ficou no empate de 0 a 0 com o Galvez-AC na Arena Floresta (AC).

O Paysandu segurou o resultado contra a forte marcação do Galvez, agora os times precisam buscar a vitória na partida de volta que será no dia 17 na Curuzu em Belém (PA). Com empate de 1 a 1 no Morenão (MS), o Operário Futebol Clube-MS não facilitou para o Luziânia-DF. O primeiro gol foi do Wilson (Operário) aos dois minutos em uma cobrança de falta. E aos 31 minutos foi a vez de Robinho (Luziânia) igualar o placar. O próximo jogo será no Zequinha Roriz (GO) no dia 19. Mesmo com os acréscimos, o Rondoniense-GO e o Cuiabá-MT não saíram do 0 a 0 no estádio Aluízio Ferreira (RO). O jogo de volta será na Arena Pantanal (MT). J

á o Rio Branco-ES venceu por 2 a 0 o Tocantins Esporte Clube-TO, os dois gols foram de Erick em cobranças de escanteio. Com gol de falta, Robson garantiu a vitória do Fast Clube-AM de 1 a 0 contra o Santos-AP. Na Arena da Floresta (AC), o Atlético-AC e o Remo-PA empataram em 1 a 1. O gol do Atlético saiu aos 7 minutos do segundo tempo e o Remo garantiu o empate aos 31 minutos.

O São Raimundo-RR garantiu a vitória de 1 a 0 sobre o Águia de Marabá-PA, na Vila Olímpica Roberto Marinho (RR). O gol foi de Ygor, camisa 14, aos 18 minutos do segundo tempo. O jogo de volta será no estádio Zinho Oliveira (PA).

Maria Angélica Andrade

Sobre Maria Angélica Andrade

Maria Angélica Andrade já escreveu 73 posts nesse site..

Sou Maria Angélica Andrade, moro em São Paulo, tenho 27 anos. Faço Jornalismo e amo esportes em especial futebol. Escrever sobre um esporte tão querido pelos brasileiros é motivo de orgulho e muita responsabilidade.

BetWarrior


Poliesportiva


Maria Angélica Andrade
Maria Angélica Andrade
Sou Maria Angélica Andrade, moro em São Paulo, tenho 27 anos. Faço Jornalismo e amo esportes em especial futebol. Escrever sobre um esporte tão querido pelos brasileiros é motivo de orgulho e muita responsabilidade.

    Artigos Relacionados

    Topo