Conmebol pretende suspender a Libertadores por mais tempo

- A princípio, a data prevista para retorno era até 5 de maio
Conmebol irá adiar jogos da Libertadores além de 5 de maio

A Conmebol está analisando a possibilidade prorrogar ainda mais o prazo de suspensão dos jogos da Libertadores. A princípio, o prazo inicial seria até 5 de maio, previsto pela confederação sul-americana. No entanto, por causa do agravamento da pandemia do coronavírus, os organizadores tem dificuldades em retomar o jogos antes dos próximos 40 dias.

Isso porque seria complicado que os jogos retornassem dentro desse prazo estipulado. Afinal, são 10 países envolvidos na competição: Brasil, Argentina, Uruguai, Chile, Paraguai, Peru, Bolívia, Colômbia, Equador e Venezuela. Com apenas um desses impedindo a possibilidade de realizar as partidas e prejudicaria no decorrer do torneio. Até porque não há nenhuma previsão para que as fronteiras dos países sejam reabertas…

No dia 12 de março, a Conmebol havia suspendido os jogos da Libertadores por uma semana; em seguida, esticou a suspensão até 5 de maio. Até o momento da interrupção, haviam sido disputadas duas das seis rodadas da fase de grupos. Até o momento, foram realizadas 32 partidas, que contou com 80 gols. Com quatro gols marcados, Luiz Adriano é o artilheiro da competição – sete equipes seguem com 100% de aproveitamento.

OS ÚLTIMOS JOGOS DA LIBERTADORES ATÉ A PARALISAÇÃO

A última semana dos jogos realizados na Libertadores foram bem movimentados. Nas 16 partidas, foram 41 gols ao todo, onde 15 clubes saíram vencedores. E apenas o América de Cali venceu fora de casa, o Universidad Cátolica, por 2 x 1. Uma rodada que contou com uma grande goleada do River Plate de um 8 x 0 sobre o Deportivo Binacional, após os argentinos deixarem escapar o título nacional para o rival Boca Juniors.

Entretanto, esse não foi o jogo destaque na última semana da competição até então. Afinal, o épico Gre-Nal era esperado por todos, principalmente os brasileiros e toda população gaúcha. E o que se mostrava um grande jogo, terminou de uma forma nada comum. Foram oito jogadores expulsos já nos instantes finais, quatro para cada lado: Edenilson, Moisés, Cuesta e Bruno para o lado do Inter. Pepê, Luciano, Caio Henrique e Paulo Mirado pelo lado dos anfitriões. Agora resta saber quando será o jogo de volta, já que não há como especular nesse momento.

Para tentar aliviar a situação dos clubes, a Conmebol adiantou o pagamento de parte da premiação relativa a esta fase da competição.

Foto em destaque: Reprodução – Conmebol

BetWarrior


Poliesportiva


Thiago Lopes
Thiago Lopes
Thiago Lopes, 20 anos. Estudante de jornalismo - 6º semestre.

Artigos Relacionados

Topo