Com sonho de Libertadores, Huracán visita o Colón pela Superliga

- 18ª rodada começa com briga por vagas nas copas internacionais; em Santa Fé, el Globo quer a vitória para tentar entrar no G5

A abertura da 18ª rodada da Superliga Argentina de Futebol começa nesta sexta-feira, com três jogos. A briga para se classificar para os torneios internacionais é o destaque dos confrontos entre Belgrano x Patronato; e Colón de Santa Fé x Huracán. Vale apontar que o Belgrano e o Huracán estão mais próximos do G5 (Libertadores 2019), oitavo e sexto colocados, respectivamente, ambos com 28 pontos. Antes tem o duelo entre Arsenal de Sarandí e Lanús. A rodada segue no fim de semana e encerra na próxima segunda-feira.

Clausura Argentino – 18ª RODADA

02/03 – Sexta-feira

Arsenal de Sarandí x Lanús – 19h

Ou vai ou racha! Só o triunfo interessa ao Arsenal de Sarandí, que recebe o Lanús, no estádio Julio Humberto Grondona, em Avellaneda, na província de Buenos Aires. Essa partida pode ser uma grande oportunidade para el Arse garantir três pontos, pois el Granate vai com um time alternativo.

O Lánus vai entrar em campo sem três dos seus principais jogadores: o goleiro Andrada; o atacante e capitão Lautaro Acosta; e o meia Nicolás Pasquini. O técnico Ezequiel Carboni resolveu poupá-los, por conta do jogo de volta da Sul-Americana, contra o Sporting Cristal, em Lima, no Peru, na próxima quarta-feira. A primeira partida foi 4 a 2 para el Grana.

Foto: Lanus

O Arsenal junto ao Boca Juniors são os únicos que nunca caíram. Mas, a situação da equipe de Sarandí é complicadíssima nessa Superliga. El Arse é o lanterna, com 8 pontos, e há 12 rodadas que não vence. Na tabela de descenso, o time é o antepenúltimo com promédio de 0.957. Já o Lanús é o 22º colocado, com 19 pontos, e não corre risco de cair, mas também está longe das zonas de classificação para as competições internacionais.

Arsenal e Lanús se enfrentaram 27 vezes na primeira divisão do campeonato argentino. El Granate leva vantagem, com 13 vitórias. El Arse ganhou nove e teve cinco empates. Veja histórico de confronto.

Belgrano x Patronato – 19 h

De olho na Libertadores da América de 2019. Com o apoio da torcida, o Belgrano enfrenta o Patronato, no estádio Gigante de Alberdi, em Córdoba. El Pirata é o oitavo colocado, com 28 pontos – a mesma pontuação do Racing, que é o quinto -, e se vencer, tem chance de entrar no G5.

Com uma campanha irregular, el Patrón é o 16º colocado, com 23 pontos, e objetiva encostar entre os 11 primeiros que vão à Sul-Americana. O principal jogador do Rubro-Negro é o atacante Sebastián Ribas, que é o artilheiro da Superliga, ao lado do xeneize Benedetto, com nove gols. O camisa 37 está confirmado para enfrentar o Belgrano.

Já os cordobenhos vão ter duas mudanças: sai o volante Joel Amoroso, por lesão, e entra Leonardo Sequeira; o atacante Jonathan Ramis vai para o banco, no seu lugar vem Mauro Guevgeozian. O técnico Pablo Lavallén trocou a formação 4-3-3 para 4-2-2.

As duas equipes jogaram apenas duas vezes na primeira divisão do campeonato argentino. O Patronato venceu a equipe celeste uma vez, e houve um empate. Veja histórico de confrontos.

Colón de Santa Fé x Huracán – 21h15

O Colón duela contra o Huracán, no estádio Cementerio de Elefantes, na cidade de Santa Fé. El Sabalero precisa triunfar para se manter entre os 11 e, quem sabe, encostar no G5. Os santafecinos estão na 11ª posição, com 27 pontos, e vem de duas vitórias e um empate (1 a 1 no clássico com o arquirrival Unión).

O Huracán divide os 11 primeiros e o G5. El Globo está na sexta posição, com 28 pontos, e sonha em voltar a disputar a Libertadores. O técnico Gustavo Alfaro vai fazer duas alterações por causa de contusão e suspensão: o zagueiro paraguaio Saúl Salcedo está lesionado, e Carlos Matheu entra; o meia Adrián Calello está suspenso por tomar o quinto cartão amarelo, e será substituído por Patrico Toranzo ou Ricardo Noir. O destaque do el Globo está confirmado: o artilheiro Ignacio Pussetto que tem seis tentos na Superliga

Do lado do Colón, o técnico Eduardo Domínguez – que já treinou o Huracán em 2015 e 2016 – vai poupar alguns jogadores por causa da Copa Sul-Americana. El Sabalero faz o jogo de volta, em casa, contra o Zamora, da Venezuela, pela primeira fase, na próxima terça-feira. O primeiro jogo foi 2 a 0 para o Colón. Portanto, o treinador Domínguez vai dar descanso para Marcelo Estigarribia, Christian Bernardi e Diego Vera. Entram: Mariano González, Cristian Guanca e Tomás Chancalay.

Os dois times se encontraram em 54 oportunidades na elite do campeonato argentino. O Colón venceu 25 vezes, Huracán ganhou 16 e houve 13 empates. Veja histórico de confrontos.

Confira os demais jogos da 18ª rodada da Superliga

03/03 – Sábado

Tigre x Talleres – 17h

San Lorenzo x Unión de Santa Fé – 17h

Rosário Central x Godoy Cruz – 19h15

Temperley x Gimnasia de La Plata – 21h30

04/03 – Domingo

Atlético Tucumán x Defensa y Justicia – 17h

Banfield x Newell’s Old Boys – 17h

River Plate x Chacarita – 19h15

Racing x Vélez Sarsfield – 21h30

05/03 – Segunda-feira

San Martín x Independiente 19h

Estudiantes x Olimpo – 19h

Argentinos Juniors x Boca Juniors – 21h15

[soccer-info id='12' type='table' /]

Vitor Hugo Souza

Sobre Vitor Hugo Souza

Vitor Hugo Souza já escreveu 61 posts nesse site..

Futebol é legal. Jornalismo também. Então, faz as contas ⚽��❤ Sou Vitor Hugo Souza, jornalista formado, eterno jogador do “10 minutos ou dois gols”, e em busca da onda perfeita. Chuteiras nos gramados, jogos decisivos, golaços, dribles, time do coração, bastidores, torcida, emoção, tudo isso mexe com o imaginário. Mais do que um esporte, é futebol na veia.

BetWarrior


Poliesportiva


Vitor Hugo Souza
Vitor Hugo Souza
Futebol é legal. Jornalismo também. Então, faz as contas ⚽��❤ Sou Vitor Hugo Souza, jornalista formado, eterno jogador do “10 minutos ou dois gols”, e em busca da onda perfeita. Chuteiras nos gramados, jogos decisivos, golaços, dribles, time do coração, bastidores, torcida, emoção, tudo isso mexe com o imaginário. Mais do que um esporte, é futebol na veia.

    Artigos Relacionados

    Topo