Com Índio e Conti na lista, Bahia divulga "pacotão" de dispensados

O Bahia segue enxugando o elenco para a próxima temporada. Assim, o clube divulgou uma lista extensa de jogadores que não continuam para a disputa da Série B 2022. Nomes do Colombiano Juan Pablo Ramírez o Índio e do Argentino Germán Conti, aparecem entre os dispensados. Com certeza, a aparição do nome de índio foi bastante sentida entre os torcedores já que a sua contratação em definitivo já estava “encaminhada”. Desse modo, além destes jogadores o volante Jonas, o atacante Isnaldo, os laterais Renan Guedes e Mayk e o meia Rodriguinho também se despediram.

Reformulação do elenco sem Conti e Índio Ramírez

Além disso, o lateral-direito Nino Paraíba acertou a sua ida para o Ceará, Juninho Capixaba já tinha retornado ao Grêmio e o atacante Rossi fez a sua despedida de forma oficial em seu instagram na última terça-feira (28). Ramírez também usou a sua rede social para agradecer ao Bahia por tudo que fez e agradecer também o esforço para fazê-lo continuar no clube. Ademais, fez 15 jogos e marcou três gos e conquistou o coração da torcida tricolor ganhando o apelido de papi, em relação à um vídeo feito com Rossi no qual chama ele de “muito feio, papi”.

 Hoje me despeço do Bahia, clube que me abriu as portas e me ajudou a crescer profissional e pessoalmente. Agradeço a todas as pessoas que fazem parte deste grande clube e pelo grande carinho que a torcida teve no tempo em que defendi estas cores. Obrigado a todos e até breve – escreveu Índio Ramírez

Do mesmo modo, Conti escreveu na sua despedida que espera que o caminho do zagueiro e do esquadrão voltem a se cruzar no futuro próximo. Dono do gol do título da Copa do Nordeste em 2021, o jogador está negociando uma ida para o América-Mg, que inclusive, disputará a Pré Libertadores ano que vem e por isso, anda se reforçando querendo contar com o futebol do zagueiro. Além disso, atuou pelo tricolor de aço em 45 oportunidades marcando o gol derradeiro contra o Ceará na lampions league.

Nota Oficial do Bahia

Por fim, o clube divulgou uma nota informando a saída dos atletas do elenco. Ainda mais, segue se reformulando para o seu principal objetivo em 2022, subir de volta para elite. Sobretudo, confira o que escreveu o bahêa, confira:

O Esporte Clube Bahia vem a público oficializar a saída de atletas do elenco azul, vermelho e branco.

Nosso agradecimento especial ao lateral direito Nino Paraíba, que em janeiro completaria quatro anos de Esquadrão, aos 36 de idade. Foram 193 jogos, 7 gols e 4 títulos: a Copa do Nordeste de 2021 e o tricampeonato baiano entre 2018 e 2020. Para além dos números, ganhou o respeito da Nação e até uma camisa oficial em sua homenagem, em 2019, com os dizeres do grito da torcida: “nós gostamos de você”.

Após duas temporadas disputadas, o meia Rodriguinho e o lateral esquerdo Juninho Capixaba também não continuam em 2022. O camisa 10 realizou 93 partidas e anotou 19 gols, enquanto o prata da casa somou 91 jogos e 4 gols. Nesse período levantaram uma Lampions e um Estadual.

 Foto: Divulgação/Felipe Oliveira/EC Bahia

Caio Santos