Clima pesado no San Lorenzo envolvendo Ángel Romero

- O técnico Mariano Soso pede demissão e jogadores trocam socos dentro do vestiário
Clima pesado no San Lorenzo

Certamente tem um clima pesado no San Lorenzo. Além de conseguir apenas uma vitória nos últimos sete jogos, o clube ficou em penúltimo lugar no Grupo B da fase campeã do Argentino 2020/21. De tal forma que não conquistou a classificação para a decisão do Campeonato, que era o objetivo do time no início da disputa. Do mesmo modo, a situação também não é nada boa nos bastidores.

TÉCNICO PEDE DEMISSÃO

Após a humilhante derrota por 4 x 1 diante do Banfield, neste domingo (10), o técnico Mariano Soso se reuniu com a diretoria. Em suma, o encontro que teve a participação de Marcelo Tinelli, presidente do clube, demorou cerca de uma hora. Por fim, o resultado da conversa foi o anúncio do pedido de demissão por parte de treinador.

A princípio, o principal motivo para tal decisão é a sequência ruim que o Ciclone está enfrentando. Mariano Soso assumiu o comando o time do bairro de Boedo em março de 2020, dias antes do início da pandemia do novo coronavírus. Sendo assim, teve o desafio de manter o time em forma ao longo de todo o período de quarentena na Argentina.

O treinador de 38 anos estreou pelo San Lorenzo apenas em outubro. Dessa forma, dirigiu a equipe por 11 partidas durante o Campeonato Argentino. Em síntese, o clube acumulou uma série de resultados ruins, que não agradou ninguém. No total foram só quatro vitórias, quatro empates e três derrotas.

Mariano Soso
Técnico Mariano Soso. (Foto: Divulgação/San Lorenzo)

BRIGA NO VESTIÁRIO

Para piorar o clima pesado no San Lorenzo, os atletas não estão em harmonia. Discussões envolvendo o jogador Ángel Romero aconteceram no vestiário. Segundo informações de um jornal local, o Infobae, o atacante paraguaio sofreu uma repreensão do companheiro de time, Federico Gattoni. Além disso, o goleiro Fernando Monetti foi acusado de dar um soco em Romero.

Como resultado do ocorrido, Ángel e seu irmão, Óscar Romero, voltaram para Buenos Aires em ônibus particular. De acordo com o jornalista argentino, Fede González, os irmãos Romero não possuem um bom relacionamento com elenco desde setembro de 2020. Pois, na ocasião, Ángel deu uma entrada dura no companheiro Andrés Herrera durante o treinamento.

Apesar da situação envolvendo os irmãos, ambos fizeram um post no twitter, em conta compartilhada. A mensagem publicada na manhã desta segunda-feira (11), foi escrita em tom de agradecimento ao apoio de todos e finalizada com um: “Vamos lá, San Lorenzo!”

DE VOLTA AO CORINTHIANS?

Como resultado do clima pesado no San Lorenzo, a internet já especula um possível retorno de Ángel Romero ao Corinthians. O atacante paraguaio defendeu o alvinegro paulista entre 2014 e 2018. Em suma, foram 209 jogos e 35 gols marcados. Além disso, Romero é o atual artilheiro da Neo Química Arena e é adorado por boa parte da torcida, devido sua raça dentro de campo.

Um possível retorno pode acontecer, apesar de os dois irmãos ainda terem contrato com o Ciclone até junho de 2022. Pois, o presidente do San Lorenzo deve tomar providências sobre o caso envolvendo os atletas. Portanto, é difícil acreditar em uma permanência dos jogadores após os fatos ocorridos.

Foto destaque: Divulgação/San Lorenzo

BetWarrior


Poliesportiva


Carlos Soares
Carlos Soares
Além da enorme paixão pelo esporte, eu sempre tive facilidade com a comunicação no geral, é uma habilidade que me destaca em qualquer ambiente que esteja. O desejo de fazer jornalismo surgiu devido a vontade de fazer com que essa aptidão possa me proporcionar grandes desafios em minha carreira profissional, principalmente na área esportiva. Ao ingressar na faculdade e estagiar na área, descobri diversas abordagens diferentes que o jornalismo pode ter e a quantidade de histórias que estão esperando para serem contatadas. O que fez eu me interessar ainda mais pela profissão e querer desempenhar um fazer jornalístico objetivo e de qualidade.

    Artigos Relacionados

    Deixe uma resposta

    Topo