Após dois dias da estreia, os clubes que compõe o grupo 10 da Copinha já voltam a atuar neste sábado (5), com ambas as partidas sendo disputadas do estádio Luizão. Logo pela manhã, os vencedores na primeira rodada, São Carlos e Atlântico-BA se enfrentaram com grandes chances de classificação a próxima fase. Mais tarde, o Criciúma encara o América-MG, quem perder está desclassificado da Copa São Paulo.

COPA SÃO PAULO DE FUTEBOL JÚNIOR – GRUPO 10 – 2ª RODADA

São Carlos x Atlântico-BA

A partida terá início às 8h45 (horário de Brasília) no estádio Luís Augusto de Oliveira, mais conhecido como Luizão. Os anfitriões estão motivados após vencer o Criciúma na primeira rodada da Copinha. O rendimento da equipe foi bem satisfatório, o grande destaque foi o meia-atacante Paulo Vitor que deu as duas assistências para os gols do Águia. Caso vença o clube paulista poderá se classificar para a próxima fase de maneira antecipada, dependendo do resultado da outra partida.

Já os baianos surpreenderam na estreia ao vencer o America-MG, por 2 x 0 e atuando muito bem. A vitória veio com grande ajuda de Italo, o camisa 10 do time, tendo a maioria das ações ofensivas passada pelos seus pés. Com um resultado positivo, o Atlântico poderá adquirir vaga para os mata-matas da Copinha.

Criciúma x América-MG

Mais tarde, às 11h (horário de Brasília) as equipes também se enfrentam no Luizão. Os catarinenses necessitam da vitória para continuar a sonhar com a classificação. Na sexta-feira (4) o treinador Lalo fez uma atividade técnica com bola seguido de um treino regenerativo, para ter todos os atletas em condições plenas de atuar.

https://twitter.com/americamg/status/1081249853106200576?s=21

Na lanterna do grupo o Coelho também precisam vencer se quiser continuar a pensar em seguir na competição. Sabedor da situação das equipes, o treinador Paulo Ricardo analisou o evento e falou o que espera do duelo entre os clubes:

“As duas equipes perderam na estreia e isso aumenta a pressão psicológica de ambas. Nosso objetivo é recuperar os jogadores fisicamente e psicologicamente para montar uma estratégia para o jogo. Acredito que será uma partida aberta, em que as equipes vão fazer de tudo para vencerem”, diz.

Alexsander Vieira
https://bit.ly/3nAiB4l

Artigos Relacionados