Sergio Ramos é o melhor zagueiro para Chiellini

A autobiografia de Giogio Chiellini continua a ser manchetes em toda a Europa. Depois do zagueiro criticar Balotelli e Felipe Melo, ele também revelou a “fraqueza” de Arturo Vidal com o alcoolismo, e agora o assunto é Sergio Ramos. O bianconero titulou o espanhol como o melhor defensor do mundo, e comentou sobre a entrada em cima de Salah, no final da Champions 2017/18.

“Eles podem dizer que ele é impulsivo, nada tático, que por causa dele 8 ou 10 gols são sofridos por temporada e se eu causar 2 ou 3, não vivo mais… Ele é muito técnico e pode ser um atacante, é o oposto de mim. No entanto, tem duas características que ninguém tem”.

O primeiro, de acordo com Chiellini é que Sergio Ramos “sabe ser decisivo em jogos importantes, além de intervenções de bola além de qualquer lógica, mesmo com lesões que ele causa com astúcia quase diabólica”. Nesse sentindo, ele se refere a final da Champions League entre Real Madrid x Liverpool, em 2018. “Tirar o Salah foi um golpe certeiro. Ele, o professor Sergio, sempre disse que não fez por querer, mas estava consciente de que caindo daquela maneira e sem deixar de agarrar, nove em cada dez vezes é possível quebrar o braço do rival“.

Por outro lado, a segunda característica de Ramos, segundo Chiellini, é “a força que ele transmite apenas com sua presença”. Sem ele, “estrelas como Varane, Carvajal e Marcelo parece crianças da equipe de primavera. O Madrid se tornar um time indefeso“. Dessa forma, mencionou até a eliminação para o Ajax na temporada passada. “Com ele no Bernabéu, eles podem ter certeza de que os merengues não teriam perdido três gols de diferença. Eu aposto com quem quiser“.

Foto destaque: Reprodução/As – Ramos e Chiellini em Real x Juve

Thiago Lopes
Thiago Lopes, 20 anos. Estudante de jornalismo - 6º semestre.

Artigos Relacionados