Chelsea

Na manhã deste sábado, Chelsea e West Bromwich duelaram em jogo válido pela 30ª rodada da Premier League. Dessa forma, a bola rolou no Stamford Bridge, casa dos Blues. O jogo era de muita importância para ambas equipes, o time da casa com a vitória se garantia por mais uma rodada no G4 e manter a ótima fase da equipe comandada por Tuchel. Por outro lado, os visitantes queriam os três pontos para iniciar uma recuperação em busca de subir na tabela. E numa partida de muitos erros do Chelsea, expulsão de Thiago Silva e uma baita atuação de Matheus Pereira, os The Baggies, venceram por 5 x 2. Dessa forma, a equipe ainda sonha em ficar na elite, o time ocupa a 19ª posição com 21 pontos, sete atrás do primeiro fora, Newcastle. Por outro lado, chega ao fim a invencibilidade de 15 jogos do treinador Tuchel no comando dos Blues. A equipe ocupa a 4ª posição com 51 pontos, com chances de ser ultrapassado por West Ham e Tottenham.

1º TEMPO

A bola rolou, e os dois times buscavam o ataque, o time visitante tentava pressionar e surpreender a equipe de Tuchel. Por outro lado, o Chelsea buscava ficar com a bola e acelerar a troca de passes para chegar ao gol. Aos poucos, o time visitante foi se fechando e começou a esperar os espaços para atacar. Dessa forma, os Blues começou a tomar conta do jogo, mas tinha muita dificuldade para acertar o último passe.

E aos 26 minutos, o Chelsea abriu o placar, após cobrança de falta de Marcos Alonso e uma baita defesa do goleiro, a bola sobrou para Pulisic, que disputou com o goleiro e empurrou para as redes. Dessa forma, abrindo o placar em Londres. E logo aos 28′ minutos em um carrinho, o brasileiro Thiago Silva foi expulso após um carrinho no jogador do West Brom, e foi para o chuveiro mais cedo, dessa maneira, os Blues ficaram com 10 em campo.

Com vantagem numérica em campo, o time visitante foi se alçando ao ataque, para buscar o gol de empate. Dessa forma, quem ficou  jogando pelos contra-ataques foi o time da casa. Faltava qualidade para The Baggies, sendo assim, mesmo com 10 a partida era equilibrada, e os Blues estavam até mais próximo do segundo gol, do que o empate do West Brom.

NA CLASSE DO BRASILEIRO!

Porém, aos 46′ em ligação direta, Matheus Pereira saiu na cara do goleiro Mendy, e com muita categoria encobriu o senegalês, sendo assim, tudo igual no Stamford Bridge. E no lance seguinte, quase os visitantes viraram, após jogadaça de Phillips, o meia acertou o travessão, assustando o time e os torcedores dos Blues. E não dava nem tempo de respirar, em saída errada dos , aos 49′ minutos o West Brom virou, Matheus Pereira recebeu dentro da área e com muita classe, tirou a marcação e tocou no canto, sem chances para o goleiro. Dessa maneira, fim de papo na primeira etapa. 2 a 1 para o West Brom.

2º TEMPO

A bola rolou na etapa final, e o Chelsea buscava o empate, porém tinha muita dificuldade com um jogador a menos. E logo aos oito minutos, Marcos Alonso pegou a bola que sobrou dentro da área e acertou o pé da trave, quase tudo igual em Londres. O time visitante marcava em cima e com a bola tinha muita confiança para oferecer perigo aos Blues. Dessa maneira, Matheus Pereira teve a chance de aumentar a vantagem, o meia recebeu aos 16′ entrou na área e bateu forte, para boa defesa do goleiro Mendy. E não demorou muito para o West Brom chegar de novo, aos 17 minutos em jogada de velocidade Robinson chegou completando o cruzamento, acertando um belo chute. 3 a 1 para os visitantes.

Mandando no jogo, The Baggies ampliaram em mais um erro defensivo dos Blues, o time visitante tocou bem a bola e Matheus Pereira tocou para Diagne, que chegou batendo chapado, sem chances para o goleiro. Sendo assim, 4 a 1 para o West Brom, em pleno Stamford Bridge aos 22 minutos. O jogo era frenético, e logo aos 25 minutos, o Chelsea diminuiu, com muita calma dentro da área Werner recebeu, limpou e rolou para Mount, que só completou para o gol, dessa forma, colocando os Blues novamente no jogo.

MATHEUS PEREIRA DONO DO JOGO

Com dois gols de vantagem, o West Brom se fechava e quando tinha a bola tentava manter a posse e quando dava era agressivo. Por outro lado, o Chelsea se esforçava, mas com um a menos em campo era difícil infiltrar na defesa adversária. E ainda deu tempo de fechar o caixão, aos 45′ Matheus Pereira encontrou Robinson dentro da área, que encobriu o goleiro, goleada em Londres. Dessa forma, se encerrou o jogo no Stamford Bridge, 5 a 2 para os visitantes, numa baita atuação do brasileiro Matheus Pereira. Se encerra a invencibilidade de Tuchel nos Blues.

 

E AGORA?

O Chelsea muda o foco para a Champions League e visita o Porto (Portugal), na próxima quarta-feira (07), pelas quartas de final da competição europeia. Pela Premier League, os Blues enfrentam o Crystal Palace no próximo sábado (10). Por outro lado The Baggies recebe o Southampton, na segunda-feira (12).

Foto destaque: Reprodução/ Twitter Premier League

 

Avatar
Daniel Soares
Daniel Soares, 20 anos, cursando jornalismo. Apaixonado por esportes, aos 16 anos viu que o jornalismo esportivo seria uma forma de estar no ramo. Tendo o estádio como segunda casa, tem a ambição de transmitir emoções e se expressar através do esporte. Instagram: danieel_sooares Twitter: @bdsoares10