Prandelli é o novo técnico da Fiorentina

Na última segunda-feira (9), a Fiorentina anunciou, através do seu site oficial, a saída do técnico Giuseppe Iachini. Assim, contratado em 2019, ele é o primeiro a ser técnico demitido entre os clubes da Serie A TIM nesta temporada e deixa o time na 12ª posição da tabela, com oito pontos ganhos, após disputar sete partidas pelo Campeonato Italiano.

Para ocupar seu lugar, nomes como Luciano Spaletti e Maurizio Sarri foram cogitados. No entanto, Cesare Prandelli, que teve passagem pelo clube entre 2005 e 2010, foi oficializado como novo treinador. Desse modo, já na manhã desta terça-feira (10), o italiano comandou o primeiro treino pelo clube. Além disso, em sua coletiva de imprensa, destacou o entusiasmo com seu retorno e declarou todo seu carinho pela equipe.

“Há quinze anos minha vida está ligada à Fiorentina. Agora espero retribuir a paixão e a vontade de jogar bem com esta equipe em campo”, disse.

Em contrapartida, ele também comentou sobre a importância de ter cautela no início do trabalho pelo clube.

Tenho que ser bom em dosar com energia a minha vontade de entrar imediatamente no ambiente. Precisamos primeiro entender a situação e depois trabalhar no grupo. Há muitos valores importantes nesta equipe, mas antes de falar sobre os módulos ou fases do jogo, quero ver a situação em campo. Meu primeiro pensamento agora é apenas isso, ir e dirigir o primeiro treino”, concluiu.

Por fim, o presidente da Viola, Rocco Commisso, falou um pouco sobre o perfil do novo treinador.

“Também quero dar as minhas boas-vindas pessoais ao senhor Prandelli. Acreditamos que seu talento, sua história profissional e sua humanidade, reconhecida e apreciada por todo o mundo do futebol, fazem de Prandelli a pessoa mais indicada para sentar no banco roxo”.

https://twitter.com/acffiorentina/status/1326217997078425600

Trajetória de Cesare Prandelli como treinador

Nascido na Itália, Prandelli iniciou sua carreira como treinador na Atalanta. Contudo, só comandou a Fiorentina pela primeira vez no ano de 2005. Pelo clube, ele alcançou as oitavas de final da Liga dos Campeões, em 2008. Além disso, conseguiu chegar nas semifinais da Liga Europa na temporada anterior. Em 2010, após a Copa do Mundo, ele treinou a Seleção Italiana. Por outro lado, em 2014, fechou contrato com o Galatasaray, da Turquia. Porém, foi demitido do cargo após uma sequência de resultados ruins. Ademais, também teve passagens pelo Lecce, Verona, Venezia, Parma e Roma. Por fim, nas temporadas 2017/18 e 2018/19, comandou o Al-Nasr e o Genoa, respectivamente. Finalmente, em 2020, ele está de volta à Viola.

Foto destaque: Divulgação/Fiorentina

Maria Gabriella
Maria Gabriella, baiana, natural de Riachão do Jacuípe. Graduando em Letras pela UEFS, amante da comunicação e encantada pelo poder transformador social e político que o esporte exerce, especialmente o futebol, que nos proporciona uma mistura de sentimentos e emoções a cada partida.

Artigos Relacionados