Ceni

O Flamengo começou nesta quinta-feira (26) a preparação para enfrentar o Racing. Nesse sentido, o jogo de volta será na terça-feira (1), no Maracanã, em partida decisiva pelas oitavas de final da Libertadores. Portanto, Rogério Ceni terá um tempo raro para ajustar os erros e renovar o time. Entretanto, com o jogo contra o Grêmio adiado, serão cinco dias somente para treinamentos no Ninho do Urubu. Sendo, portanto, exceção que virou regra em um calendário espremido na pandemia do coronavírus.

VOLTA DO ELENCO PRINCIPAL

O momento mais esperado pela Nação Rubro-Negra é o que Rogério Ceni terá todo elenco à disposição. Com exceção de Thiago Maia que está fora da temporada. No entanto, o departamento médico do clube tem uma semana para intensificar os tratamentos e definir novos prazos para Isla, Rodrigo Caio e Pedro.

No entanto, nenhum dos três está vetado do jogo contra o Racing, no Maracanã. Mas, numa ordem de probabilidade, o chileno tem retorno praticamente garantido. Enquanto o atacante e o zagueiro dependem de avaliações mais precavidas.

CENI TEM COMO OBJETIVO MELHORAR A ZAGA

Não são muitas as opções, mas o fato é que Ceni precisa definir rapidamente qual dupla de zaga entrará em campo diante dos argentinos. Além de treinar a exaustão. O Flamengo que evoluiu taticamente sob o comando do treinador segue frágil na defesa. O que tem causado grande ansiedade na torcida. Portanto, fica a expectativa para o retorno de Rodrigo Caio, que não joga desde 22 de setembro.

ROGÉRIO CENI TAMBÉM TEM A MISSÃO DE MELHORAR O CONDICIONAMENTO FÍSICO DOS JOGADORES

Aos poucos, o Flamengo começa a demonstrar evolução tática com Rogério Ceni. Porém, ainda está distante da intensa marcação no campo de ataque. Nesse sentido, na partida contra o Racing, o que se viu em campo foi um time mais preocupado em se posicionar bem do que em ser agressivo na frente.

CRIAR MAIS OPORTUNIDADES

A falta de atenção na defesa é um dos pontos que tem irritado a torcida rubro-negra. Contudo, o Flamengo tem muito a ajustar também no ataque. Com o quarteto “queridinho” da Nação, a capacidade de criar grandes oportunidades cresce consideravelmente. O índice de aproveitamento dessas chances nos últimos jogos deixou muito a desejar.

FLAMENGO PRECISA SER MAIS CONSISTENTE

O time comandado por Ceni teve alguns bons momentos, mas ainda não se firmou. Nesse sentido, os altos e baixos tem sido constantes para o elenco que está sendo moldado novamente, após a troca de treinadores. Sendo assim, Rogério tem a missão de tornar o time mais focado, consistente e com uma pontaria melhor.

Foto Destaque: Divulgação/Flamengo

Thamirys Abreu Vieira
Sou carioca, graduada em Jornalismo pela Universidade Salgado de Oliveira (Universo). Pretendo me especializar na área esportiva e vivenciar a cada dia a magia do futebol. Exigente e de temperamento forte, mas sempre disposta a aprender. Apaixonada pela leitura e o mundo futebolístico.

Artigos Relacionados