Cantillo desfalca o Corinthians nas oitavas da Liberta

O volante Cantillo, do Corinthians, sofreu uma punição da Conmebol e não poderá jogar nas oitavas de final da Libertadores. A saber, o Timão enfrenta o Boca Juniors, na próxima terça-feira (28), às 21h30 (horário de Brasília).

O camisa 24 alvinegro se envolveu em uma confusão contra o próprio Boca Juniors, na Bombonera. O jogador foi expulso na ocasião, mas a Conmebol entende que o atleta deverá cumprir mais um jogo de suspensão.

Apesar da confirmação nesta sexta-feira (24), o Corinthians não foi pego de surpresa. Nesse sentido, o Timão já havia sido notificado há algumas semanas.

Além de Cantillo, o técnico Vítor Pereira não poderá contar com MayconPaulinho, que estão no departamento médico do clube. Nesse sentido, o comandante alvinegro terá alguns dias para encontrar um substituto.

Com o desfalque do camisa 24 e dos outros atletas, RoniXavier podem aparecer como titulares da equipe. No entanto, Vítor Pereira pode colocar jogadores mais ofensivos, como Renato AugustoGiulianoAdson.

Cantillo no Corinthians

O colombiano chegou ao time do Parque São Jorge no início de 2020. Passou a ser titular absoluto da equipe. Porém, após a paralisação do futebol por conta da pandemia da Covid-19, o atleta perdeu espaço no Corinthians.

Com o técnico Vítor Pereira também não era utilizado com frequência. Porém, com a lesão de Maycon, o português passou a utilizar Cantillo, que jogou os últimos seis jogos da equipe, sendo titular nos últimos três confrontos.

A saber, Cantillo tem 89 jogos com a camisa alvinegra, marcou dois gols e deu cinco assistências nesse período. Na atual temporada, participou de 19 partidas e não teve participação direta em tentos.

Foto Destaque: Divulgação/Danilo Fernandes/MeuTimao

Gabriel Vicco
Oi, eu sou o Gabriel Vicco e sou apaixonado por futebol e sempre o tive o sonho de trabalhar com isso. Escolhi o jornalismo por gostar de escrever e me comunicar de várias maneiras. Tenho uma página no Instagram com alguns amigos, o Debate (@debateoficial), onde postamos notícias, análises e coberturas do Brasileirão Feminino. Atualmente, tenho a certeza de que a profissão que mais almejo é o jornalismo esportivo, por isso busco por experiências e pela minha evolução nesse ramo.