Breno Lopes completa 90 jogos pelo Palmeiras e mira a Libertadores

Utilizado mais uma vez por Abel Ferreira, o atacante Breno Lopes completou diante do Ceará, na vitória fora de casa, por 2 × 1, 90 compromissos com a camisa do Palmeiras. Com mais três pontos na conta, o camisa 19 valorizou a marca. Entretanto, para Breno Lopes, atingir números expressivos, ainda mais em um elenco tão forte, é motivo de orgulho e dá um UP no currículo profissional também.

Feliz por mais uma vitória nossa na competição. Todos viram como foi, difícil, mas acima de tudo merecemos o triunfo. Contente também por completar os 90 jogos pelo Palmeiras, é uma história bonita, dá orgulho. Ainda mais que temos um grupo de muita qualidade, que se dedica muito. Vamos por mais”, afirmou o jogador, que perdeu apenas um de seus últimos 36 duelos com o Verdão.

Mudança de chave

Por outro lado, o Palmeiras vem realizando uma campanha positiva no Brasileirão e agora troca a chave da competição, mirando totalmente na Copa Libertadores. Na próxima quarta-feira (3), às 21h30 (horário de Brasília), o time duela em Minas Gerais com o Atlético-MG. A saber que a partida é válida pelo jogo de ida das quartas de final da competição e terá como palco, o Mineirão. Ao passo que o camisa 19 tem experiência no certame e foi um dos personagens principais no Bicampeonato diante do Santos em 2021. Contudo, Breno nascido em Belo Horizonte, aproveitou para projetar o importante confronto.

É daqueles jogos que todos gostam de jogar, de estar em campo. É jogo diferente, são duas grandes equipes, elencos fortes. Sabemos que a Libertadores é muito especial e estamos muito focados, trabalhando pensando nessa partida e nos dedicando ao máximo pelo Palmeiras”, finalizou o homem de frente, que soma 15 gols pelo Verdão.

Ao passo que o confronto de volta entre Galo e Verdão está marcado  para próxima quarta-feira (10), também às 21h30 (de Brasília), no Allianz Parque, na capital paulista.

Foto destaque: Cesar Greco/Palmeiras

Tity Marx
Na verdade, não fui eu que escolhi o jornalismo e sim ele que me escolheu. Sem dúvidas, a profissão é como um oceano que precisa ser desvendado na sua profundeza, só assim é possível conhecer e respeitar toda sua beleza.

Deixe um comentário