Brasileiro Cicinho é convocado para defender a seleção da Bulgária

O lateral-direito Cicinho foi uma das surpresas na convocação da seleção da Bulgária. Os convocados entrarão em campo nos jogos contra a Irlanda (3) e País de Gales (6), válidos pela 3. Contudo, além do brasileiro, mais 23 jogadores foram chamados pelo técnico Georgi Dermendzhiev.

Dessa forma, com passagens pelo Remo, Juventude, Brasiliense, Ponte Preta e Santos, o atleta de 31 anos está no Bulgária desde 2015. Portanto, adaptado à cidade de Razgrad e à cultura local, o jogador disse que ficou muito honrado com a oportunidade recebida do treinador.

A Bulgária me recebeu de braços abertos. Sou muito feliz aqui, tanto que estou há meia década no país e não pretendo sair daqui. É uma honra ter essa possibilidade de defender as cores búlgaras”, disse Cicinho.

Por fim, o lateral comentou que tem uma boa lembrança da seleção búlgara. Que foi a quarta colocada na Copa do Mundo de 1994.

Eu era criança, mas me recordo daquela grande equipe, liderada pelo craque Stoichkov. Por pouco, não fizeram a final contra o Brasil. Seria um grande encontro entre Stoichkov e Romário, que estavam brilhando pelo Barcelona. Lembrar isso e saber que, agora, eu estarei com a camisa da Bulgária chega a ser inacreditável. É um sonho que estou vivendo”, finalizou.

Foto Destaque: Divulgação

Tity Marx
Na verdade, não fui eu que escolhi o jornalismo e sim ele que me escolheu. Sem dúvidas, a profissão é como um oceano que precisa ser desvendado na sua profundeza, só assim é possível conhecer e respeitar toda sua beleza.

Artigos Relacionados