Brasil x México

Antes de tudo, aconteceu, nesta terça-feira (2), pela semifinal dos Jogos Olímpicos, a partida entre Brasil x México. Dessa forma, a Seleção Brasileira avançou à final em disputa de pênaltis por um placar de 4 x 1.

1° TEMPO: BRASIL DESPERDIÇA CHANCE CLARA COM ARANA

De antemão, as equipes não marcaram no 1ºtempo. Embora o Brasil tenha tido a posse de bola, por conseguinte algumas chances de abrir o placar, o gol não saiu. A saber, a chance mais clara da Seleção Brasileira foi com Arana, que finalizou em cima do goleiro. Também, os 22′, Daniel Alves, de cobrança de falta, fez Ochoa defender.

2° TEMPO: TUDO IGUAL! JOGO SE ENCAMINHA PARA PRORROGAÇÃO

De forma semelhante, como na primeira parte, nenhum dos times balançaram as redes. Além do mais, os primeiros minutos foram de muitas faltas, sem muita chances de gol. Nesse meio tempo, o Brasil teve uma chance clara de gol em cabeceio de Richarlison, no entanto, a bola bateu na trave e não entrou. Ainda no rebote, tentou tocar para Martinelli, mas sem sucesso.

PRORROGAÇÃO

Bem como no tempo normal, os times poucos criaram. Logo, não tiveram tantas oportunidades de gol e, ainda assim, as que tiveram não foram suficiente para abrir o placar. Com isso, a partida se encaminhou para as penalidades.

DISPUTA DE PÊNALTIS

A princípio, a Seleção Brasileira iniciou a disputa com Daniel Alves, que marcou. Em seguida, o goleiro Santos pegou o pênalti cobrado por Aguirre. Além disso, Martinelli, Bruno Guimarães e Reinier acertaram suas receptivas cobranças. Enquanto Vasquez mandou na trave e Rodríguez marcou o único do México. Por fim, o Brasil avançou para final por um placar de 4 x 1.

BRASIL X MÉXICO – E AGORA?

Com o resultado o Brasil chega a sua terceira final consecutiva dos Jogos Olímpicos em busca do bicampeonato. Enquanto o México disputará pela medalha de bronze. A saber, os brasileiros enfrentam a Espanha e o s mexicanos pegam os donos da casa, o Japão.

Foto destaque: Divulgação/ Lucas Figueiredo 

Paula Almeida
Eu sempre gostei do jornalismo, de informar. Resolvi cursar jornalismo, justamente pela área esportiva. Tenho objetivo de ser setorista do Santos, mas sonho também em fazer cobertura de uma Copa do Mundo.