Botafogo vence e Corinthians praticamente dá adeus ao G4

Dominante do começo ao fim, Botafogo vence o Corinthians no estádio Ilha do Governador (RJ) por 2×0. Deixando nítido mais uma vez a falta de qualidade ofensiva do time, o alvinegro paulista não conseguiu criar chances de reverter o placar. Com Rodriguinho e Giovanni Augusto suspensos, os volantes Willians e Marciel iniciaram a partida como titulares, não conseguindo quebrar o jejum de cinco jogos consecutivos sem vitória no Brasileirão.

Começando melhor a primeira etapa, o Botafogo logo no início da partida já impôs uma postura ofensiva. O volante Diogo Barbosa lançou a bola para o atacante Vinícius Tanque, que da entrada da área acabou chutando sem força, facilitando a defesa do goleiro Walter. O Corinthians teve que jogar completamente recuado em seu campo de defesa, sem conseguir suportar a pressão dos donos da casa. Os cariocas abriram ao placar aos 23, com Neilton, em posição de impedimento, recebendo de Diogo Barbosa e encobrindo Walter com categoria. Balbuena tentou empedir, mas não conseguiu chegar na bola. Os paulistas conseguiram melhorar no jogo, porém sem criar chances. A bola lançada da defesa botafoguense, a princípio despretensiosa, surpreendeu os visitantes. Ao tentar evitar o ataque, Fagner rebate de calcanhar, e a bola bate no braço de Diogo Barbosa. O atacante sai livre de marcação e chuta forte e alto aos 38, sem chances para o goleiro corintiano. Vinicius Tanque ainda teve chance de ampliar em contra-ataque nos acréscimos, mas Fagner conseguiu bloquear o chute a tempo, sendo a última chance do primeiro tempo.

Yago falha no gol do Botafogo

No lance que inaugurou o marcador, o zagueiro corintiano “deu o passe” para Diogo Barbosa. Yago chegou atrasado para afastar o perigo, e Neilton tocou a bola no adversário. A sobra foi de Diogo Barbosa, que passou para Neilton completar.

Voltando ao gramado, o Corinthians tentou ser mais ofensivo, substituindo Marciel por Lucca no intervalo. A alteração de Fábio Carille resultou em uma grande chance. Começando melhor a segunda etapa, o alvinegro paulista conseguiu uma grande chance de diminuir a diferença. Aos 10, Marlone tentou cruzar na área, e a bola bateu na mão direita do zagueiro Emerson Santos. O árbitro a princípio deixou o jogo seguir, mas com auxílio do assistente, acabou marcando a penalidade máxima. Marquinhos Gabriel foi o encarregado de bater o pênalti, e desperdiçou a oportunidade. O meia corintiano chutou fraco e perto do meio do gol, dando chance para o goleiro Sidão espalmar a bola, e a defesa botafoguense afastar. O Botafogo seguiu com o controle da partida, mesmo com maior participação ofensiva do Corinthians no jogo. Entradas fortes, reclamações com a arbitragem e cartões amarelos marcaram a segunda etapa. Os visitantes mantiveram uma maior posse de bola, mas sem criar chances. Marlone tentou em um chute de esquerda, mas a bola saiu pela linha de fundo aos 45. O árbitro apitou o fim do jogo aos 49, decretando de vez a vitória do Botafogo.

Romero está suspenso

O atacante paraguaio é desfalque para a próxima partida, contra o Atlético Mineiro. Romero recebeu seu terceiro cartão amarelo, após cometer falta dura no lateral esquerdo Victor Luís ainda na primeira etapa.

Com o resultado, o Botafogo chegou aos 41 pontos, ocupando provisoriamente a 8ª posição. O próximo jogo dos cariocas é no próximo domingo (09), contra o Figueirense, às 17h. O Corinthians, com o mesmo número de pontos de seu adversário, pode perder a 7ª colocação ainda nesta rodada, caso o Grêmio derrote o Cruzeiro. O alvinegro paulista joga agora contra o Atlético Mineiro nesta quarta-feira (05), às 21h.

Guilherme Papa

Sobre Guilherme Papa

Guilherme Papa já escreveu 268 posts nesse site..

Guilherme Papa é estudante, de 21 anos, da turma do 5º semestre de Jornalismo da Universidade Metodista de São Paulo. Completamente louco por futebol, tem como objetivo transmitir informações do mundo da bola da melhor maneira possível.

BetWarrior


Poliesportiva


Guilherme Papa
Guilherme Papa
Guilherme Papa é estudante, de 21 anos, da turma do 5º semestre de Jornalismo da Universidade Metodista de São Paulo. Completamente louco por futebol, tem como objetivo transmitir informações do mundo da bola da melhor maneira possível.

Artigos Relacionados

Topo