Ferran Torres do Valencia é definido como opção para o lugar de Sancho, que pode está de saída

O Borussia Dortmund corre o risco de perder uma de suas jóias, o atacante Jadon Sancho. Assim, definiram o substituto, o nome de Ferran Torres que é a jovem promessa do Valencia, de 20 anos. Deste modo, segundo o jornal Sky Sports, os representantes do clube já se reuniram e manifestaram o interesse no ponta-direita. Entretanto, o jogador é menos conhecido que o astro inglês. No entanto, o jovem espanhol é campeão da Copa do Rei e campeão na base da Espanha (campeonato Europeu sub-17 e 19).

A HISTÓRIA ENTRE VALENCIA E BORUSSIA DORTMUND

 A Juventus e o Liverpool também acompanham o jogador. Com contrato até 2021 e sem renovação, o Valencia pode ser obrigado a vencer seu atacante para não perdê-lo de graça. A cláusula rescisória é de 80 milhões de euros (cerca de R$ 449 milhões). O clube alemão pode perder uma peça chave do seu elenco e busca um jogador que está na Europa e até sondou alguns nomes fora do continente. Alguns nomes foram como o meia argentino Lucas Ocampos estaria no radar e o atacante Everton Cebolinha do Grêmio.

Contudo, o nome de Ferran Torres ganhou força pelo seu excelente desempenho, atualmente em 7º lugar na La Liga e parou nas oitavas da Champions League. Assim, na reta final do campeonato, o clube conta com chances reais de classificação para o torneio continental do ano que vem.

ESTATÍSTICAS DOS JOGADORES NA TEMPORADA

Na atual temporada, Ferran Torres atuou em 35 partidas, marcou seis gols e contribuiu com sete assistências. Dessa maneira, os jogos foram pela La Liga, Copa do Rei e Champions League. Enquanto isso, a estrela dos tem números melhores, são: 40 jogos, 20 tentos e 20 assistências. Contudo, com a parada o valor de mercado sofreu uma mudança, o atacante do clube alemão está avaliado em 117 milhões de euros e o ponta-direita do Los Che em 50 milhões, aproximadamente.

Foto Destaque: Reprodução/ Site Goal

Nicollas Almeida
Escolhi o jornalismo porque queria contar histórias, participará dela também. Já estagiei na assessoria de imprensa de um órgão do governo do Rio de Janeiro. Fiz trabalhos voluntários no meio religioso e político, participei de um programa de debate na rádio na faculdade.

Artigos Relacionados