Além de Alaba e Thiago, o Bayern de Munique pode vender mais um jogador. O nome da vez trata-se de Javi Martínez, que está há oito anos no clube bávaro. Isso porque, de acordo com o ‘Goal', o time alemão estaria tentando renovar o vínculo com o volante/zagueiro espanhol, mas, a princípio, a negociação não estaria avançando.

Sendo assim, para evitar que o jogador saia de graça do clube, o Bayern estaria disposto a vender o jogador já no início da temporada 2020/21. Quando perguntado sobre a situação de Thiago, Karl-Heinz Rummenigge, CEO do Bayern de Munque, afirmou que o jogador não sairia de graça. Dessa forma, tendo em vista que o mais provável seja os jogadores se desvalorizem no mercado devido a pandemia, o melhor a se fazer seria chegar a um acordo para as negociações.

Outro nome que pode estar de saída do Bayern de Munique é o austríaco David Alaba, que também tem contrato até até junho de 2021. De acordo com sites ingleses, Pep Guardiola deve entrar em contato com o jogador para o convence-lo de ir para o Manchester City. Nesta segunda-feira (13), os Citizens tiveram uma ótima notícia com a anulação do banimento nas duas próximas competições europeias. O que certamente complicaria, caso viesse a ser de fato proibido, em negociações futuras com grandes nomes no mercado, como o próprio Alaba.

Javi Martínez no Bayern

Contudo, Javi Martínez está no Bayern desde 2012, quando foi contratado por 40 milhões de euros junto ao Athletic Bilbao. A última renovação do jogador foi em 2015, ou seja, na ocasião renovou por mais seis anos, está que virá a se encerrar em 2021. Neste período o espanhol chegou a atuar em 237 partidas oficiais, estando a 13 de igualar aos 250 de Athletic, clube pelo qual mais jogou como profissional.

Na atual temporada, foram 23 jogos, sendo que esteve em boa parte ausente por lesões. Ele que aos 31 anos, é avaliado em 13 milhões de euros – R$ 79 milhões.

Foto destaque: Getty Images

Thiago Lopes
Thiago Lopes
Thiago Lopes, 20 anos. Estudante de jornalismo - 6º semestre.

Artigos Relacionados