Barça vence Atlético de virada

O Barcelona venceu o Atlético de Madrid por 2 a 1 em seu estádio, o Camp Nou, em m jogaço. O Atlético dominava a partida no primeiro tempo e chegou a abrir o placar com ‘El Niño' Fernando Torres. O mesmo que vinha sendo herói até então, fez falta dura em Neymar e tomou amarelo. Minutos depois, fez outra falta, desta vez em Busquets e levou o segundo amarelo, consequentemente, o vermelho.

Com um a menos ainda no primeiro tempo, o Atlético manteve a marcação alta e evitando a pressão do Barcelona até o fim da primeira etapa.

No segundo tempo, o time catalão veio pra cima. Fez pressão, rodou a bola de um lado para o outro, tentando de tudo para o gol sair. Neymar apesar de não marcar, foi destaque, sempre limpando da esquerda pro meio e tentado chutes perigosos pra fora e até acertou um no travessão, mas além disso bagunçava com a defesa, abrindo-a para a chegada dos companheiros e recebendo faltas duras. Messi começou a jogar mais recuado para armar o time e tentar furar a retranca rossoneri com 9 denfendores, o mesmo acontecia com Iniesta. Suárez esteve pagado o jogo inteiro, até que a bola pipocou em frente Jordi Alba, que emendou um chute cruzado da esquerda pro meio da área e lá estava Luisito para apenas escorar para o fundo das redes. Era o empate do time da casa que colocaria fogo na partida, que teve 10 amarelos e 1 vermelho.

Luis Enrique tirou Rakitic, Busquets e Iniesta e colocou Rafinha, Sergi Roberto e Arda Turan, para segurar o jogo lá na frente. E deu certo. Suárez recebe a bola na meia lua, toca para Daniel Alves na lateral direita, a bola desvia em Lucas Hernández e sobe na altura do joelho do camisa 6 do Barça, que emenda mesmo assim pro meio da área, de volta para Luisito que com uma cabeçada certeiro, meia altura e no meio do gol, vence o goleiro Oblak pra virar o jogo e dar números finais na partida.

O resultado não é de todo ruim para o Atlético, pois fez um gol fora, então, 1 a 0 é do time de Madrid. Analisando as condições de jogo e que começou vencendo e jogando melhor, o resultado foi ruim. A pior parte será para o técnico Diego Simeone armar o Atlético sem o centroavante Fernando Torres expulso. Com um a menos durante o jogo e tentando se fechar, Simeone colocou os meio-campistas Augusto Fernández e Thomas Partey, este último que foi o homem mais avançado após a saída de Carrasco e Griezmann. O atacante Ángel Correa também entrou, no lugar de Saúl. Simeone terá além de Griezmann e Carrasco, que são titulares, Correa e Luciano Vietto para a vaga de Torres.

O próximo encontro dos dois será na quarta-feira da semana que vem, dia 13 de abril, no Vicente Calderón, estádio do Atlético, às 15h45. Façam suas apostas, o jogo promete.

Eric Filardi

Sobre Eric Filardi

Eric Filardi já escreveu 1232 posts nesse site..

Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia: sou Futebol na Veia.

BetWarrior


Poliesportiva


Eric Filardi
Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia: sou Futebol na Veia.
http://www.ericfilardi.com.br

Artigos Relacionados

Topo