Bahia demonstra interesse em Fabinho

Antes de tudo, o Bahia segue fazendo a limpa em seu elenco e buscando peças de reposição. Depois de anunciar os laterais Luís Henrique, Djalma, Jhonatan e o volante Rezende, o Esquadrão de Aço mostrou interesse no futebol de mais um homem de contenção. Dessa forma, trata-se de Fabinho de 35 anos, que disputou o Brasileiro de 2021 pelo Ceará. E ainda, já foi treinado por Guto Ferreira. A informação veio pelo jornalista, Emerson Júnior, da rádio CBN Maceió. Além disso, o próprio não teve o seu contrato renovado e já se despediu do alvinegro cearense.

Fabinho pelo Ceará

Campeão da Copa do Nordeste 2020 contra o mesmo Bahia, em 2021 não teve muitas oportunidades devido a uma artroscopia no joelho. Ainda assim, foi testado como positivo para Covid. No entanto, apesar dos três meses de fora ainda conseguiu ficar no top três de volantes. Desse modo, foram 1.8 interceptações por partida e 1.6 em desarme. O jogador disputou 138 partidas, com três gols marcados e uma assistência com a camisa do vozão.

Em entrevista ao ge, o jogador se despediu do vovô após quatro anos de clube. Nesse sentido, se sentiu grato ao clube, a diretoria e a torcida. Assim, afirmou ter passado por um momento difícil na carreira e é grato a Deus por tudo que viveu. Ainda mais, nessas quatro temporadas, Fabinho se tornou o jogador mais antigo a vestir a camisa do Ceará.

Entrevista ao GE

Nossa vida é cíclica e no futebol sabemos disso bem. Um ciclo se iniciou em 2018, foi um dos maiores desafios da minha carreira, sair da grandeza do Internacional e ir para uma equipe que tinha acabado de subir para a elite, vivia um momento difícil no campeonato, e aceitei esse desafio. Nos anos seguintes conseguimos elevar o nível do Ceará em competições nacionais e internacionais. Pelo meu número de jogos eu tive uma participação grande nesse período de crescimento, saio feliz sabendo que cumpri minha missão dentro e fora de campo do Ceará.

– Só tenho a agradecer a Deus por tudo que vivi nesse clube e sigo torcendo para o Ceará seguir crescendo. Agradeço ao presidente, funcionários, atletas, todos os setores, do setor mais simples ao presidente. Deixei amigos ali e só tenho motivos para agradecer – Disse ele, em sua entrevista.

Por fim, a negociação é viável. Já que, o lateral Nino Paraíba após se despedir do tricolor e ser especulado no Goiás, foi para a capital cearense jogar na equipe de Tiago Nunes.

Foto: Reprodução/Aurélio Alves/O Povo

Caio Santos