Tivemos uma rodada movimentada do Campeonato Equatoriano neste último domingo (13), com dois jogos de tirar o fôlego. No Estádio Gonzalo Pozo Ripalda, em Quito, o Aucas venceu o Barcelona de Guayaquil por 2 x 1. Ao mesmo tempo, no Estádio Christian Benítez, em Guayaquil, o Independiente Del Valle superou o Guayaquil City por 2 x 0.

Campeonato Equatoriano – 28ª rodada

Aucas 2 x 1 Barcelona de Guayaquil

O jogo no 1º tempo foi morno, com os times se estudando bastante. Porém, aos 45 minutos, o Papá Aucas abriu o placar com Sergio López, levando a vantagem para o time mandante durante o intervalo. Contudo, o Ouro e Grana reagiu assim que começou o 2º tempo, empatando o jogo aos oito minutos com Damián Díaz. 

Por outro lado, o time mandante tomou a frente do marcador dois minutos depois, aos 10′, com Lisandro Alzugaray, assim sacramentando a vitória do Aucas em Quito. Contudo, ainda tivemos tempo para ver o substituído Pedro Velasco ser expulso no banco de reservas, aos 31 minutos da 2ª etapa. Assim, o Aucas venceu o vice-líder da classificação geral do Campeonato, Barcelona de Guayaquil, chegando a 6ª colocação.

Melhores Momentos

Em breve.

Guayaquil City 0 x 2 Independiente Del Valle

Outro jogo que na 1ª etapa foi morno, mais para frio. Tendo como destaque apenas o cartão amarelo para Ángelo Preciado. Ao contrário do 1º tempo, a 2ª etapa foi bem mais animada. Logo aos 11 minutos, o Guayaquil City passou a jogar com 10 homens, quando Jean Carlos Humanante Vargas foi expulso. Portanto, aos 30 minutos, La Maquina Del Valle abriu o placar com Jacob Murillo, de pênalti.

Por fim, a vitória foi celada apenas nos acrécimos, aos 47 minutos, com gol de Christian Ortiz. Com esse resultado, o Independiente Del Valle chega a 51 pontos, alcançando a 3ª colocação na classificação geral do Campeonato Equatoriano. Enquanto o time mandante estaciona nos 37 pontos, ficando apenas em 10º colocado no campeonato.

Melhores Momentos 

Em breve.

Foto Destaque: Reprodução/Havoline Desportivo

 

João Victor Freire
Alagoano, porém criado no Rio De Janeiro. 21 anos. Tenho pra mim que o Jornalismo é uma das profissões mais belas que existem, e é o que eu sei e gosto de fazer desde pequeno. E aliado a isso, tenho uma paixão por esportes.

Artigos Relacionados