Atlético-MG x Patrocinense

Atlético-MG e Patrocinense se enfrentam nesta quarta-feira (29). A partida será às 21h30 (horário de Brasília), pela 11ª e última rodada da fase de grupos do .

ATLÉTICO-MG

O time Alvinegro faz uma campanha muito instável até o momento no campeonato. Em suma, com 19 pontos, o Galo ocupa a quarta posição na tabela do torneio, e tem a última vaga para ir as semifinais do Estadual. Contudo, para carimbar o passaporte para o mata-mata, precisa vencer a Águia. Caso contrário, vai depender do resultado da partida entre Caldense e Cruzeiro.

A tendência, é que Jorge Sampaoli escale o mesmo time da partida anterior. Entretanto, agora o treinador pode contar com Keno, que teve o nome divulgado no BID, e vira uma ótima opção para o combate.

https://twitter.com/Atletico/status/1287864086626148352?s=19

PATROCINENSE

O time de Patrocínio, que tem 12 pontos e ocupa a sétima colocação na tabela, não tem mais chances de avançar às semifinais. Todavia, o time visitante ainda tem um objetivo: garantir a vaga no Troféu Inconfidência. Para que isso aconteça, o clube precisa vencer. Já que, caso saia com a derrota, pode ser ultrapassado pelo Boa Esporte.

O técnico Milagres deve seguir com a base do time que atuou na retomada do campeonato, no último domingo (26).

RETROSPECTO

Enfim, na história entre Atlético-MG e Patrocinense foram oito jogos: sendo cinco vitórias para o Galo, dois empates e uma vitória para a Águia. Enquanto o time Alvinegro marcou 16 gols, o time de Patrocínio converteu seis vezes.

APOSTA INDICADA

O confronto promete fortes emoções, visto que os times ainda almejam a vitória. Já que os donos da casa precisam vencer para seguir na competição, tudo indica que darão a vida na partida e conquistarão a vaga nas semifinais. O time de Sampaoli é o favorito isolado no confronto. Sendo assim, o site BetWarrior paga 1,18 pela vitória do Galo.

ODDS: 1 (1,18) | x (6,00) | 2 (13,00).

Foto Destaque: Reprodução/FNV

Rhaíssa Oliveira
Mineira, 30 anos, jornalista em formação e apaixonada por esportes, sobretudo amante do futebol. Resolvi fazer da minha paixão pelo esporte a minha profissão. Ouço muito que arquibancada e futebol não são coisas de mulher, e é por isso que vou descer da arquibancada e cobrir os jogos de dentro do campo!

Artigos Relacionados