Atlético-MG: Sormani revela preferência por Renato

Na busca por um novo treinador, o Atlético-MG monitora a situação do treinador Jorje Jesus para assumir a vaga do multicampeão Cuca. No entanto, para Fábio Sormani, comentarista do Grupo Disney, a chegada do português é um erro. Na opinião dele, o Galo deveria buscar Renato Gaúcho.

O treinador do clube alvinegro comunicou, no começo desta semana, que não gostaria de seguir no comando da equipe no próximo ano, alegando problemas pessoais. A diretoria entendeu a situação e concordou com sua saída. Logo após o anuncio oficial, nomes começaram a surgir para 2022. Nesse sentido, Jorge Jesus, que nos últimos dias deixou o Benfica, e Renato Gaúcho, desempregado desde a final da Libertadores, foram especulados em Belo Horizonte.

Contudo, para Sormani, o Galo deveria ‘descartar' a possibilidade de contratar o português. Dessa forma, optando pela chegada do brasileiro.

“A rivalidade entre Flamengo e Atlético Mineiro é uma coisa muito forte. (…) Em Portugal, se comenta a defasagem do Jorge Jesus para outros treinadores portugueses. Ele não é tido como um dos “top de linha”. Há outros mais cotados e reconhecidos. Se eu fosse o Atlético-MG, não iria atrás do Jorge Jesus. Eu iria atrás do Renato Gaúcho” disse ele e seguiu:

“Acho que dá samba. Acho que o Renato foi boicotado no Flamengo pelo vestiário e não fez o que gostaria de fazer. Ele não é um qualquer. Pelo contrário, porque fez um elenco modesto do Grêmio ser competitivo. Ele foi vítima do vestiário do Flamengo. Não contrataria o jesus. O Renato tem totais condições de assumir o Galo e dar sequência ao trabalho do Cuca” finalizou Sormani.

Foto destaque: Reprodução/ Flamengo

André Merice
Sou somente mais um louco apaixonado por futebol!