Atlético-MG: Cuca fala sobre estratégia utilizada na final

Após a conquista do bicampeonato da Copa do Brasil, frente ao Athletico-PR, o técnico do Atlético-MG, Cuca, analisou a estratégia traçada para a partida e destacou a entrega de seus atletas em 2021.

QUAL ESTRATÉGIA VOCÊ ADOTOU?

“Se passarem os 20, 25 (minutos) e você estiver empatando, é natural baixar o ímpeto do adversário. Como resultado, você vai ter o jogo na mão. Os primeiros 20 (minutos) a gente esperou. Assim, reconheceu o adversário, o campo e na primeira estocada que a gente teve, no contra-ataque, que era nossa proposta inicial, fizemos o gol”, afirmou.

O QUÃO DIFÍCIL FOI CHEGAR ATÉ AQUI?

“Eu abri mão de tudo. Abri mão das filhas, da mulher, de tudo. Eu vivi 30 horas por dia o Atlético, dei tudo o que eu tinha, e a gente abre mão de tudo”, disse.

COMO É ESTAR NA HISTÓRIA DO ATLÉTICO-MG?

“A história fica maior depois, hoje a gente não tem ideia do que a gente tá fazendo, mas tá gostoso demais, Deus abençoou esse ano nosso aqui e está uma coisa linda”, finalizou Cuca.

Pelo Galo, são 224 jogos, em duas passagens:. Sendo 128 vitórias, 48 empates e 48 derrotas. Além disso, foi três vezes campeão mineiro (2012, 2013 e 2021), campeão da Libertadores (2013), Brasileirão (2021) e da Copa do Brasil (2021).

Foto destaque: Divulgação/ Pedro Souza/ Atlético-MG

André Merice
Sou somente mais um louco apaixonado por futebol!