Neste domingo (17/01), tivemos a final da Supercopa da Espanha 2020. Nesse ínterim, a partida ocorreu no Estádio Olimpico de La Cartuja, em Sevilla, e teve Barcelona e Athletic Bilbao como finalistas. Como era de se esperar, a partida foi bastante movimentada e foi definida apenas na prorrogação. Após eliminar o Real Madrid, o Bilbao conseguiu superar outro gigante da Espanha para levantar a taça. Assim, De Marcos, Villalibre e Iñaki Williams marcaram para o Athletic, enquanto Griezmann marcou duas vezes para o Barça.

1º TEMPO

O confronto começou bastante truncado, sem muitas chances de gols. Posteriormente, Capa dominou na entrada da área e obrigou Ter Stegen a fazer grande defesa para salvar o Barcelona. Minutos mais tarde, o Griezmann marcou o primeiro gol do jogo. A saber, a bola sobrou para o francês dentro da área que não desperdiçou e mandou para o fundo das redes. Entretanto, no lance seguinte o Bilbao conseguiu chegar ao empate. Em desatenção da zaga catalã, De Marcos surgiu livre dentro da área para tirar do goleiro e marcar.

2º TEMPO

Já na segunda etapa, a partida continuou na mesma tomada. Sem muitas chances para ambas as equipes, com um duelo muito travado no meio de campo. Com Lionel Messi bastante sumido, Griezmann apareceu para colocar o Barcelona novamente na frente do placar.

A saber, o camisa sete aproveitou o bom cruzamento de Jordi Alba para mandar para o fundo das redes. Posteriormente, já no finalzinho da partida, o Athletic se lançou ao ataque e conseguiu o gol de empate. Nesse ínterim, Villalibre, que havia entrado na segunda etapa, empurrou para o gol após boa cobrança de falta.

PRORROGAÇÃO

Logo em um dos primeiros lances da prorrogação, Iñaki Williams recebeu na entrada da área e finalizou com classe para marcar um golaço em Ter Stegen. Posteriormente, a bola sobrou novamente para Griezmann dentro da área, mas desta vez o francês finalizou mal pela linha de fundo. O Barcelona ainda tentou pressionar até o final, mas perdeu Messi expulso no segundo tempo e a missão ficou ainda mais difícil. Assim, o Athletic segurou as pontas e comemorou o título após o apito final.

 

MELHORES MOMENTOS

 

Foto destaque: Reprodução/ Twitter Athletic Club

Matheus Gândara
Matheus Gândara
Tenho 20 anos e comecei a fazer jornalismo em 2019, na UFOP, sendo que em 2017 e 2018 cursei Engenharia Elétrica na Unifei. Em 2020 me transferi para a UniBH. No futuro espero conseguir realizar meu sonho de ser um grande jornalista esportivo. Futebol é vida!

Artigos Relacionados