Nesta quarta-feira (3), Barcelona e Sevilla se enfrentaram no jogo de volta pela Copa do Rei. A princípio os Andaluzes tinham a vantagem, já que venceram o jogo de ida por 1 x 0. Entretanto, os Culés chegaram com vontade e logo aos 12′ do 1º tempo Dembélé criou uma bela jogada sozinho e marcou o primeiro da partida. Aos 49′ do 2º tempo Piqué cabeceou para o fundo da rede e levou para o tempo extra. Com um jogador a mais, o clube catalão venceu com um tento de Braithwaite.

Em síntese, foi uma partida de muitas reclamações e provocações. Os visitantes não aceitaram algumas decisões do árbitro Sánchez Martínez. Como por exemplo, não aplicar um segundo cartão amarelo em Mingueza -que foi o responsável pelo pênalti cobrado por Ocampos-. E para desespero dos Rojiblancos, Sánchez também não considerou a bola que relou no braço de Lenglet passível para penalidade máxima.

“É difícil, estávamos muito entusiasmados com esta competição. Fizemos coisas muito boas esse ano e merecemos esse prêmio. […] Respeito muito o árbitro, mas o segundo cartão do Mingueza não sai… Outro dia não aplicaram o segundo ao Leo (Messi) e hoje sim ao Fernando. Tem situações que não deveriam ter acontecido, mas vamos levantar porque tem muito pela frente”, disse Joan Jordán, jogador do Sevilla.

PROVOCAÇÕES

Logo após o gol de Piqué houve uma provocação entre Koeman e Lupetegui, onde o técnico holandês gritou “Eu cago no p …”. E não parou por aí! Após o apito final, alguns jogadores do Barcelona notaram que o diretor esportivo do Sevilla, Monchi, estava presente no túnel dos vestiários e foram trocar farpas. Isto porque no último sábado (26), em partida válida pela La Liga, o mesmo gritou das arquibancadas que Koeman era um “bebê chorão”.

 “É hora de engolir veneno [..] Se julgarmos as ações publicamente, eles nos sancionam. O de Mingueza é uma chance clara de marcar e pode ser amarelo e o de Lenglet. Eu vi no placar do vídeo, mas insisto, ele não os viu.”, declarou Lupetegui, treinador dos Hispalenses.

Assim sendo, o clube de Camp Nou segue para a final da Copa do Rei. Irão descobrir qual será o adversário após o confronto entre Levante e Athletic Bilbao, que ocorre nesta quinta-feira (4), às 17h (horário de Brasília).

Foto Reprodução: Reprodução/Lluis Gene/AFP

Avatar
Giovanna Monteiro
Cursando o 4º semestre de Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi, apaixonada por esportes desde os 7 anos e hoje com a cabeça e o coração encaminhados ao Jornalismo Esportivo.