Artur é consultado pelo Atalanta, mas Leipzig pode ser o destino

Sobretudo, Artur vem sendo observado de perto por diversos clubes europeus. Assim, um clube que já fez consulta pelo atacante do Massa Bruta foi o Atalanta. Entretanto, o futuro do atacante deve ser o Leipzig, da mesma franquia.

Em suma, o camisa 7 do Massa Bruta fez uma ótima temporada pela equipe de Bragança Paulista. Além disso, o atacante foi autor do gol que colocou o time pela primeira vez na Libertadores da América.

Melhores momentos da partida que colocou o Bragantino na Libertadores

Qual será o próximo destino de Artur: Atalanta ou RB Leipzig?

O camisa 7 chegou ao RB Bragantino em janeiro de 2020, quando foi comprado do Palmeiras por 25 milhões de reais. Ao passar do tempo, o jogador começou ser a peça mais importante do elenco. Com a saída de Claudinho para o Zenit, da Rússia, o atacante se destacou mais, chegando até ser convocado para Seleção Brasileira.

Em 2021, o atacante do Massa Bruta marcou 21 gols e foi um dos principais responsáveis pela ótimo ano da equipe do Bragança Paulista, no qual se classificou para Libertadores e foi vice da Sul-Americana. Assim, diversos clubes europeus começaram a observar o jogador. Entretanto, foi o Atalanta que enviou olheiros para observá-lo e fazer uma consulta por ele.

Em contrapartida, o Toro Loko tem planos para seu principal atacante. A princípio, o RB Bragantino pretende negociá-lo com a equipe da Alemanha, que é da mesma franquia, a Red Bull, mas somente no inicio da próxima temporada.

Situações de Atalanta e RB Leipzig

Sobretudo, o Atalanta é o atual 3º colocado na Série A, com 37 pontos em 17 partidas. Já o Leipzig, com 21 pontos em 15 partidas, ocupa a 10ª posição da Bundesliga. Vale ressaltar que ambas as equipes ficaram em 3º lugar em seus respectivos grupos na Liga dos Campeões. Assim, os dois clubes vão direto para fase eliminatórias da Liga Europa.

Foto destaque: Divulgação/Ari Ferreira/RB Bragantino

Enzo Pires
Tenho o sonho de trabalhar com o que eu mais amo, que é o FUTEBOL. Amante desse esporte desde criança, queria ser jogador, mas como não deu certo, agora eu busco trabalho com isso, só que fora de campo.