Arsenal Sarandí x Defensa y Justicia como aconteceu - resultado, destaques e reação

A saber, Arsenal Sarandí x Defensa y Justicia se enfrentaram neste domingo (29), em partida válida pela 9ª rodada do Campeonato ArgentinoEm resumo, o confronto terminou em um empate sem gols.

ASSISTA AOS MELHORES MOMENTOS ARSENAL SARANDÍ X DEFENSA Y JUSTICIA

Em breve.

1º TEMPO: CHANCES PERDIDAS

Certamente, as equipes tentaram abrir o placar diversas vezes no 1° tempo. Dessa forma, Gastón Suso teve uma boa oportunidade para abrir o placar para o Arsenal Sarandí, mas não conseguiu uma boa finalização. Assim como Nicolás Mazzola. Por outro lado, Gabriel Hachen quase colocou o Defensa y Justicia na frente. Mas, a defesa estava atenta e impediu que a bola entrasse no gol. Ademais, até o juiz apitar o início do intervalo, foram muitas chances perdidas e algumas faltas marcadas.

2º TEMPO: ZERO PERMANECE NO PLACAR

De forma semelhante com a primeira etapa, as equipes voltaram do intervalo ainda com esperanças de colocar a bola nas redes. Contudo, não saiu gol algum. Os times permaneceram dando trabalho às defesas, mas as finalizações quando certeiras, eram defendidas pelos goleiros. Com pouco mais de dez minutos de jogo, Rodrigo Contreras colocou uma bola na trave. E, para confirmar que a bola não estava a favor do visitante, Lucas Barrios cabeceou e o poste impediu o tento novamente. Por fim, a disputa terminou em 0 x 0.

ARSENAL SARANDÍ X DEFENSA Y JUSTICIA – E AGORA?

Em conclusão, o Arsenal Sarandí permanece na última posição na tabela do Campeonato Argentino. Assim, o Arse conta com apenas seis pontos, nas nove partidas disputadas. A saber, a próxima equipe que o time enfrenta é o Tucumán, no dia 4 de setembro. Em contrapartida, o Defensa y Justicia se encontra em uma posição melhor. Ocupando o 9º lugar, o Halcón tem 12 pontos conquistados. Por fim, o clube entra em campo na próxima sexta-feira (3), para enfrentar o Central Córdoba. 

Foto Destaque: Divulgação/Defensa y Justicia

Joana Lacerda
Fazendo uma junção das coisas que eu mais amo: esportes, jornalismo e escrita; cheguei a conclusão de que era o jornalismo esportivo que eu queria para a minha vida. Me resumo como uma baiana estudando na capital do Brasil com o objetivo de alcançar o que tanto desejo, que é trabalhar nessa área do esporte e me capacitar cada vez mais!