Na noite desta quarta-feira (12), acontece a primeira partida da final do Campeonato Peruano. O primeiro duelo será no estádio Alejandro Villanueva, às 23h (horário de Brasília), casa do Alianza Lima, que recebe o Sporting Cristal. O confronto que decide quem será o campeão, acontece no próximo Domingo (16), na casa Celeste.

ALIANZA LIMA

Os Rimenses se classificaram para a semifinal do Peruano, por ser a melhor colocada na classificação geral, sem contar os campeões dos torneios Verão, Apertura e Clausura. Apesar das críticas da imprensa peruana, pela vaga “dada” pela federação, a equipe se fortaleceu e conquistou o poder de decidir a final contra o Melgar em duas partidas empatadas.

https://twitter.com/clubaloficial/status/1072165329265192961?s=21

O primeiro duelo, foi em um jogaço empatado por 3 x 3, jogando em seu estádio. De primeiro momento foi um resultado negativo, mas, no jogo da volta, conseguiu novamente o empate, na casa Rojinegra, e venceu nos pênaltis para garantir a vaga na final. Agora a expectativa está em alta para a conquista de seu bicampeonato, já que é o atual campeão. A escalação deverá ser a mesma da última partida.

Provável escalação: Butrón; Garro, Fuentes, Godoy, Duclós; Cruzado, Lemos, Ramírez, Velarde; Posito e Affonso. Técnico: Hernán Torres.

SPORTING CRISTAL

A Celeste acompanhou de “camarote” a semifinal do peruano. Pois, a equipe já estava classificada para a final, por ter vencido dois dos três torneios da federação: Verão e Apertura. Após as duas conquistas, era notória a disparidade do Cristal com as outras equipes, por te-las vencido com certa tranquilidade. Porém, no Clausura, tiveram dificuldades, e terminaram o torneio apenas na 5ª posição.

https://twitter.com/clubscristal/status/1072596799737790464?s=21

Na última partida disputada, sem qualquer pretenção no torneio, venceu o Sport Rosario, já rebaixado, nada mais, nada menos, do que por 8 x 0, mesmo estando com uma equipe alternativa e sem seu principal jogador, o artilheiro do campeonato, Emmanuel Herrera, com 39. O atacante deverá voltar ao comando de ataque Celeste, para ajudar na conquista do tão sonhado título.

Provável escalação: Grados; Chavez, Revoredo, Merlo e Céspedes; Ballón, Ysique, Costa, Mejía, Calcaterra e Herrera. Técnico: Mário Salas.

 

RETROSPECTO

Nas últimas 10 partidas, os donos da casa deste duelo venceram seis, empatou um e venceu outros três. No geral, também detém vantagem, com 18 vitórias, 15 empates e 10 derrotas.

Alexsander Vieira
https://bit.ly/3nAiB4l

Artigos Relacionados