Alan Ruschel desabafa e cita frase de diretor: “Eu estava lá por piedade”

Nas últimas semanas, a Chapecoense tem sofrido diversas denúncias de pessoas ligadas ao acidente aéreo em 2016, que deixou 71 mortos. Primeiramente, o clube teve de apagar fotos de alguns atletas falecidos na tragédia. Posteriormente, o sobrevivente Alan Ruschel desabafou nas suas redes sociais sobre a Chape alegar que o lateral não é vítima.

Na última segunda-feira (7), o lateral-esquerdo voltou a falar sobre a Chapecoense e abriu o jogo sobre alguns bastidores. A saber, os três jogadores sobreviventes, Neto, Follmann e Alan Ruschel participaram do Podcast Denilson Show, que é apresentado pelo ex-jogador Denilson e pelo jornalista Chico Garcia. Ambos trabalham na TV Band.

Desabafo de Alan Ruschel

Em agosto de 2019, quase dois anos após o acidente, Alan Ruschel deixou a Chapecoense, rumando ao Goiás. Assim, o lateral citou o que o motivou a sair do clube catarinense àquela altura.

“A gente se calou por muito tempo por coisas que aconteceram não só agora, mas logo depois do acidente. A primeira vez que eu saí, um diretor falou que eu estava lá por piedade. Quando essa fala chegou até mim, chateou muito, senti vontade de chorar”, disse.

Alan Ruschel desabafa e cita frase de diretor: "Estava lá por piedade"
Jakson Follmann, Neto e Alan Ruschel, atletas sobreviventes do acidente da Chapecoense, no Camp Nou. Foto: Divulgação/Josep Lago/AFP

O atleta afirma que após o episódio, procurou Ney Franco, à época técnico do Goiás, e pediu ajuda na sua transferência. A passagem pelo clube goiano durou apenas até o fim do ano. No entanto, o jogador se sentiu confiante no retorno à Chape após uma boa campanha no Esmeraldino. Além disso, citou o motivo da sua 2ª saída do clube, dessa vez para o Cruzeiro.

“Voltei como capitão e um dos líderes do vestiário. Eu tive que ser a ponte entre diretoria e jogadores para fazer a equipe focar somente no futebol. Fomos campeões da Série B com nove meses de salários atrasados. Joguei a temporada inteira e subimos, mas depois da conquista queriam reduzir meu salário. O que isso significa? Queriam que eu fosse embora.”, completou.

Foto Destaque: Divulgação/Márcio Cunha/ACF

Gabriel Vicco
Oi, eu sou o Gabriel Vicco e sou apaixonado por futebol e sempre o tive o sonho de trabalhar com isso. Escolhi o jornalismo por gostar de escrever e me comunicar de várias maneiras. Tenho uma página no Instagram com alguns amigos, o Debate (@debateoficial), onde postamos notícias, análises e coberturas do Brasileirão Feminino. Atualmente, tenho a certeza de que a profissão que mais almejo é o jornalismo esportivo, por isso busco por experiências e pela minha evolução nesse ramo.
Você está aqui
Futebol Na Veia > Notícias > Alan Ruschel desabafa e cita frase de diretor: “Eu estava lá por piedade”