Africa do Sul: Ex-dirigentes foram suspensos pelo comitê de ética da Fifa

O principal nome que a investigação revela é Leslie Sedibe, o sul-africano esteve envolvido em resultados combinados da sua seleção.

Três ex-dirigentes do futebol sul-africano foram suspensos do mundo do futebol pelo Comitê de Ética da Fifa nesta segunda-feira (14), suspeitos de uma possível participação na manipulação de resultados em amistosos preparatórios para a Copa do Mundo de 2010. Os cartolas banidos foram punidos por péssimo comportamento e or não cooperarem com as investigações feitas pela entidade.

Leslie Sedibe, ex-chefe executivo da Associação Sul-Africana de Futebol (Safa), foi afastado por cinco anos e multado em mais ou menos $ 73 mil. Steve Goddard e Adeel Carelse, ex-dirigentes da área que comanda o setor de arbitragem, foram sentenciados a dois anos de suspensão. Já Lindile Kika, ex-presidente da Federação, foi banido em 2015 também por manipulação.

A Fifa não divulgou a lista dos jogos que poderiam ter sido manipulados por esses cartolas. Sedibe, ironicamente, é o atual CEO da companhia Proudly South African, um grupo que visa o fortalecimento do mercado interno sul-africano e tem como um de seus princípios “lutar contra o crime e a corrupção”.

BetWarrior


Poliesportiva


Carolina Keyko
Carolina Keyko
Sou Carolina Keyko Rodrigues, 21 anos, estudante de jornalismo, apaixonada por esportes, música, teatro, gastronomia e fotografia. Já trabalhei como estagiária para a Arquidiocese de São Paulo como gestora de mídias sociais, Estagiária para os Doutores da Web com SEO. Gosto de áreas que me desafiem a escrever, como o futebol, que esta em constantes mudanças, costumo assistir os jogos do Santos com a fanática da minha irmã e acompanho meu pai nos jogos da Portuguesa, pois é, faz parte.

    Artigos Relacionados

    Topo