Técnico do River Plate, Marcelo Gallardo critica a AFA

A relação do técnico do River Plate, Marcelo Gallardo, com a Associação do Futebol Argenitino (AFA) entrou em turbulência nos últimos dias. A princípio, o presidente da entidade, Claudio Tapia, destacou que o futebol no país só vai retornar na 4ª fase da reabertura das atividades. O pronunciamento deixou o comandante dos Millonarios furioso.

Para a rádio La Red, Muñeco criticou o comportamento das ‘vozes oficiais' e em primeiro lugar, destacou a necessidade de retornar com as práticas esportivas. Gallardo também lembrou de protocolos que devem ser ativados para o retorno.

“O desejo é poder nos ativar com protocolos e cuidados. Quero que tenhamos essa possibilidade quando nos permitirem, mas não diga: ‘Quando o país entra nessa fase'. É bom que eles não dêem datas se não houver certezas, mas você também deve pensar nas consequências”, disse Gallardo.

O treinador revelou que está preocupado com o futuro do futebol argentino e questionou uma falta de respeito nos formatos, organizações e instituições com relação aos campeonatos dos últimos anos. Em mais de 40 minutos de fala, Muñeco também pediu o debate de ideias e questionou o retorno das atividades para províncias sem circulação do coronavírus.

“Houve muito silêncio e isso gerou uma grande Eu poderia estar em casa calmo, mas não sou porque preciso me injetar com minha atividade, o que faço. Não sei se ele vai jogar novamente este ano, é por isso que há tanta cautela. ativar equipes e jogadores que estão em províncias que não têm circulação de vírus? Por que restringi-los? Eles treinam em sua casa há 100 dias … é muito injusto”, disparou o técnico.

Gallado, River Plate e seleção

Especulado na Seleção Argentina desde a queda de Jorge Sampaoli, as recentes declarações de Muñeco podem ter afastado o treinador do principal cargo no esporte do país. Embora o grupo esteja sob o comando do adjunto Lionel Scaloni, Gallardo tem o apoio de grandes nomes do esporte nacional, como Diego Simeone. Recentemente, o treinador também teve o nome ligado ao Barcelona e ao Paris Saint-Germain. Na entrevista, o profissional garantiu seguir no River até o final deste ano.

“Não quero gerar nenhuma dúvida em relação a minha continuidade. A minha ideia é seguir nesta temporada e analisar a volta aos trabalhos. Digo isso, pois tenho que repensar tudo em torno do nosso futebol. Não sabemos como estamos em meio à crise e como será depois. Não podemos improvisar sempre nas decisões”, afirmou.

Conquistas de Gallardo como treinador

Marcelo Gallardo é uma figura de destaque na história do River Plate. Aos 44 anos, o treinador foi fundamental no resgate do clube, que esteve na Segunda Divisão do Campeonato Argentino em 2012. Ao todo, Muñeco conquistou as Libertadores de 2015 e 2018, a Sul-Americana de 2014, as Recopas de 2015 e 2019, além da Copa da Argentina de 2019.

Foto destaque: Reprodução/AFP

Pevê Araújo
22 anos, 7/8 jornalista; baiano que ama futebol. Redator do Barça Brasil e repórter do site Galáticos Online. Escrevo sobre Campeonato Argentino no Futebol na Veia, além de outros textos. Futebol é vida e vida é futebol. Nas peladas, invento como Riquelme, na vida, vivo o sonho de ser um repórter esportivo.

Artigos Relacionados