Agora é verdade! Adilson Batista é demitido do Cruzeiro

- Ex-treinador fez duras críticas à gestão do clube
Adilson Batista é demitido do Cruzeiro

Depois da confusão envolvendo a não demissão de Adilson Batista, neste domingo (15), foi anunciado que o treinador foi realmente demitido pelo CruzeiroA segunda passagem do comandante no clube acabou após a derrota do time por 1 x 0 para o Coimbra, pelo Campeonato Mineiro. Dessa forma, com Batista, também deixam a Raposa o auxiliar técnico Cyro Garcia e o preparador físico José Mário Campeiz.

RECLAMAÇÕES…

Ainda no Independência, Adilson se pronunciou sobre a demissão e fez duras críticas à atual gestão, nesta segunda-feira (16). O ex-comandante afirmou que, atualmente, oito pessoas do Conselho Gestor da Raposa estavam dando “palpites” e querendo mandar dentro do futebol do clube. Ainda, disse que o clube precisa de um novo comando urgentemente.

“Fui demitido pelo Carlos [Ferreira, gestor do futebol do Cruzeiro]. Estarei na torcida, deixo claro que estou chateado pelos resultados recentes, que também temos culpa. Mas a gente precisa entender o processo. Tive a coragem de pedir pra que determinados jogadores saíssem, enfrentei. Ajudei nesse processo, com o clube numa bagunça, uma desordem. Atletas tomaram conta do clube, derrubaram o Mano, meu amigo, Abel, Rogério Ceni, tomaram conta do clube. Então, você chega e tem que limpar. Dei treino, durante alguns dias, com jogadores que eu não teria, até resolver esta situação, porque não tínhamos comando. Rezo pra que o clube tenha logo um presidente. Tá precisando urgentemente. Hoje tem oito gestores. E os oito querem tomar conta do futebol”, disse.

… E MÁ GESTÃO

Assim também, Adilson Batista reclamou do mal planejamento do clube para a temporada, onde disputará a Série B do Campeonato Brasileiro. O ex-técnico falou, inclusive, sobre jogadores que não fariam parte do plantel. Por fim, falou da situação do jogador Ramón, que teve o pré-contrato assinado ano passado, chegou no início da temporada, deixou o clube e agora retornou.

“Aí você tem 60 dias de trabalho, treina com 15 que não é para treinar. Chega 11 do juniores sem as devidas condições e que tem que participar. Aí era para estar aqui o Jean, chegou ontem, o Ariel era para já estar, Ramon treinou comigo e não estava (no início). Torcedor não gosta de A, B ou C. Demora para chegar outros. Hoje conto que pedi um meia, um extremo, um outro extremo. Um lateral. Mais um outro lateral. Alguns deveriam cuidar do Marketing, que era pra fazer uma campanha pra 300 mil e hoje só estamos com 45 mil. Então, este marketing tá mal, precisa melhorar”, afirmou.

DESPEDIDA

O técnico usou as suas redes sociais para se despedir do Cruzeiro. Assim, o mesmo agradeceu o tempo em que esteve à frente da Raposa e pelo carinho dos torcedores e do povo mineiro. “Tenho o maior respeito e carinho pelo povo mineiro. Torço de coração para que o Cruzeiro consiga seu maior objetivo neste ano que é o acesso à Série A. Saio de cabeça erguida. Muito obrigada”, falou.

Foto destaque: Reprodução/Bruno Haddad/Cruzeiro

BetWarrior


Poliesportiva


Lauren Berger
Lauren Berger
Lauren Berger, gaúcha e apaixonada por futebol. Cresci vendo grandes nomes do Brasil em campo e um sentimento especial cresceu em mim. Vi Ronaldinho Gaúcho, Fernandão, Cristiano Ronaldo, Iniesta e foi amor à primeira partida. Estudo na Universidade Luterana do Brasil-RS.

    Artigos Relacionados

    Topo