Abel Braga

Abel Braga é o novo técnico do FC Lugano, da Suíça. Dessa forma, na manhã desta segunda-feira (7), por meio de nota no site oficial, o clube oficializou a chegada do comandante ao time. Em suma, o contrato de Abel com o clube tem duração de um ano. A saber, o treinador já chega com a missão de comandar o plantel que terminou a temporada 2020/21 ocupando o 4 ° lugar no campeonato nacional.

De antemão, o brasileiro chega para substituir Maurizio Jacobacci, que treinou a equipe na temporada anterior. Em síntese, aos 68 anos, o treinador assume o clube europeu após mais uma passagem pelo Internacional. Na ocasião, o Colorado terminou o Brasileiro 2020 na vice-liderança. Ademais,  Abel foi eleito melhor técnico da competição.

https://twitter.com/FCLugano1908/status/1401826765832560640?s=19

Sendo assim, o novo técnico tem pela frente o desafio de levar a equipe ao triunfo. Afinal, assume um time que não ganha título desde 2015. No entanto, o FC Lugano já conquistou três vezes o Campeonato Suíço (1938, 1941 e 1949). Por fim, também tem no histórico três Copas (1931, 1968 e 1993).

O novo técnico está concluindo os trâmites para a obtenção da autorização de trabalho e chegará à Suíça o mais breve possível, já assinou um contrato de um ano com opção de segundo. Ele será auxiliado pela equipe da Juventus na temporada passada e por alguns reforços que serão anunciados em devido tempo, nota oficial do FC Lugano

Abel Braga na Europa

Decerto, Abel Braga conta com uma extensa e vitoriosa carreira como técnico de futebol. Com isso, o FC Lugano entra na lista como 5° clube europeu a ser treinado pelo profissional. Anteriormente, o experiente comandante carimbou passagem pelas seguintes equipes portuguesas: Famalicão, Belenenses e Vitória de Setúbal. Além disso, treinou também o Olympique de Marselha, da França.

Foto destaque: Reprodução/Internacional

Dara Oliveira
Sou Dara Oliveira, estudante de Jornalismo. Orgulhosamente do Norte do Brasil. Me considero uma contadora de histórias. A paixão pelo jornalismo começou ainda na infância, na mesma época que o futebol passou a ser parte importante da minha jornada. Tudo que envolve o mundo esportivo me desperta curiosidade. Eu acredito no poder do esporte como instrumento de inclusão social.

Deixe uma resposta