14 anos da chegada de David Beckham na MLS

- Em 2021 a MLS e o LA Galaxy celebram a chegada de Beckham, jogador que mudou a história da liga
David Beckham

Em 2007, David Beckham causava grande repercussão ao anunciar sua chegada ao LA Galaxy.  Após o termino de seu contrato de empréstimo com o AC Milan, o meio-campista inglês que teve passagem vitoriosas pelo Real Madrid e Manchester United, tinha à terra do Tio Sam como destino.

Primeiramente, David Beckham teve três passagens pelo Galaxy. Sua primeira passagem foi na temporada 2007/2008 da Major League Soccer, sua chegada aconteceu no dia 13 de janeiro de 2007, e foi recebido por uma multidão de fãs. Entretanto, sua estreia oficial só aconteceu no dia 21 de julho, um amistoso contra o Chelsea, onde foram derrotados por 1 x 0. Seu primeiro gol saiu contra o DC United no dia 15 de agosto. Além disso, a vitória contra o United fez Los Angeles disputar a primeira final da primeira Super Liga. Naquele jogo contra o Pachuca, equipe mexicana. Porém, Beckham se lesionou naquele jogo, e a derrota veio nos pênaltis após o empate por 1 x 1.

Sua segunda passagem no LA Galaxy foi no ano 2009, uma passagem breve. Naquele ano, conseguiram chegar a final da Conferência Oeste, sendo assim, conseguiram a vaga para a Final da MLS. Entretanto, novamente perderam nos pênaltis para o Real Salt Lake.

Sua terceira e última passagem – e a mais vitoriosa – começou no ano seguinte, em 2010. Foi bicampeão tanto do MLS Supporter's Shield (2010/11) quanto da MLS Cup (2011/12). Por fim, em janeiro de 2012, Beckham assinou um contrato de mais dois anos. Entretanto, em novembro do mesmo ano, anunciou sua despedida do LA Galaxy e fez sua última partida em dezembro de 2012 contra o Houston Dynamo, valendo o título da MLS. Beckham atualmente ainda possui laços com a MLS e é dono da Inter Miami.

Foto Destaque: Reprodução/RTE

BetWarrior

Marcos Sibinel
Marcos Sibinel
Olá, me chamo Marcos Sibinel, tenho 23 anos e curso jornalismo na Anhembi Morumbi. Nunca tinha pensado em seguir uma carreira como jornalista, mas foi quando cursava Relações Internacionais que percebi que tinha uma vontade de trabalhar com esportes. Fui então pesquisando sobre o curso de jornalismo esportivo que surgiu um grande interesse, além de amar nosso futebol, tenho vontade também de fazer o outro futebol, o americano, crescer ainda mais aqui no Brasil. Foi então que decidi que queria jornalismo esportivo. Twitter: @masibinel / Instagram: @masibinel

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Topo