Tianjin Quanjian vence e quebra “ressurreição” do lanterna no Chinês

Time de Alexandre Pato bate o Guizhou Hengfeng, em casa, e volta às vitórias após cinco jogos

Jogando no Haihe Educational Football Stadium, o Tianjin Quanjian recebeu o Guizhou Hengfeng na abertura da 20ª rodada da Superliga Chinesa e venceu pelo placar mínimo de 1 x 0, gol de Zhao Xuri. Veja todos os detalhes do Campeonato Chinês.

1º tempo

Em 12º lugar, com 23 pontos, aproximando-se das quatro últimas equipes da competição, que brigam para evitar o rebaixamento, o time da casa precisava muito da vitória para se distanciar. Porém, eram cinco jogos sem vencer dos mandantes e, por outro lado, os visitantes vinham de vitória sobre o então vice-líder Shandong Luneng, na última rodada.

Com a bola rolando, quem teve a primeira chance clara foi o Quanjian. O zagueiro francês Kévin Boli foi sair jogando, errou o passe e Pato roubou. A brasileiro adiantou até a entrada da área e chutou fraco para a defesa do goleiro Boyang Su. Os visitantes responderam logo, com o gambonês Bubacarr Trawally,que recebeu passe na entrada da área, virou e chutou, tirando tinta da trave e levando perigo aos anfitriões.

Depois disso o jogo esfriou. Só foi acontecer algo de interessante no final da etapa inicial, quando Iminjan Ilhamjan fez fila na defesa da casa e chutou cruzado para a defesa de Zhang Lu, aos 38′. Aos 44′, em mais um ataque do Hengfeng, Ji Chen foi a linha de fundo, pela esquerda, e cruzou para o meio da área, Yongpo Wang deu um carrinho para corta e a bola bateu em sua mão. O árbitro foi até o vídeo rever o lance e o VAR mostrou “bola na mão”: pênalti. O croata Nikica Jelavic cobrou mal, buscando o canto direito do goleiro, que pulou bem e pegou a cobrança, nos acréscimos, aos 47′, dando esperança aos donos da casa.

Zhang Lu pega pênalti do croata Nikica Jelavic aos 47 minutos da primeira etapa (Reprodução/Sports Sina)

2° tempo

Na segunda etapa o time da casa cresceu.  Logo no começo Yongpo Wang arriscou de longe, mas mandou por cima do travessão, logo aos dois minutos. Aos 13′, o Hengfeng respondeu. Trawally cruzou na área, Jelavic furou e Ji Chen, quase a queima roupa, mandou para fora. Seis minutos depois, Pato cobra falta “venenosa” na área e a zaga tira para escanteio antes que chegue no goleiro. Aos 27′, em mais um ataque do Tianjin, Xiu Wei Zhang tocou para Zhao Xuri, que havia saído a pouco do banco de reservas, na intermediária, que apenas ajeitou e mandou uma “paulada” de fora da área para abrir o placar. Yang Xu ainda teve a chance de ampliar, mas o goleiro pegou e ficou nisso.

(Reprodução/Sohu)

E agora?

Com a vitória o Tianjin Quanjian chegou a 7ª posição com 26 pontos, subindo cinco colocações na tabela. Do outro lado, o Guizhou Hengfeng permanece na lanterna com 11 pontos e freia sua reação na Superliga Chinesa. Na próxima rodada os compromissos são: Jiangsu Suning x Tianjin Quanjian e Guizhou Hengfeng x Beijing Renhe, ambos às 7h35 (horário de Brasília), no próximo domingo.

Melhores momentos

Sobre Eric Filardi

Eric Filardi já escreveu 793 posts nesse site..

Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia.Sou Eric Filardi, paulistano de 24 anos, jornalista de formação e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, sou Peixe, sou Palestra e sou Timão. Sou da Colina, Botafogo, sou Flu e sou do Mengão. Sou Brasil, sou Hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 a 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões, sou Clássico das Multidões. Sou sul, sou nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, sou Raposa, sou Bavi e sou Grenal. Sou Ásia, sou África, sou Barça e sou Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia, sou Futebol na Veia.

Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia.Sou Eric Filardi, paulistano de 24 anos, jornalista de formação e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, sou Peixe, sou Palestra e sou Timão. Sou da Colina, Botafogo, sou Flu e sou do Mengão. Sou Brasil, sou Hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 a 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões, sou Clássico das Multidões. Sou sul, sou nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, sou Raposa, sou Bavi e sou Grenal. Sou Ásia, sou África, sou Barça e sou Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia, sou Futebol na Veia.
http://www.ericfilardi.com.br

Artigos Relacionados

Topo