Após um ano, Paulinho volta ao Guangzhou Evergrande

Volante Paulinho, da seleção brasileira, volta ao futebol chinês depois de uma temporada no Barcelona
Após um ano, Paulinho volta ao Guangzhou Evergrande

A passagem de Paulinho pelo Barcelona acabou. Guangzhou Evergrande anuncia o retorno do jogador brasileiro ao futebol chinês. Ainda não há a confirmação do valor da contratação e nem o tempo do contrato. Porém, segundo o jornal “Mundo Deportivo“, o clube chinês pagará cerca de 50 milhões de euros (R$ 230 milhões) para o Barcelona e o volante assinará por quatro temporadas.

Paulinho jogava pelo futebol chinês quando foi contratado pelo clube catalão, que pagou 40 milhões de euros no atleta. O volante fez apenas uma temporada na equipe Blaugrana, onde atuou em 49 jogos e foi o terceiro artilheiro do time, com nove gols, ficando atrás de Lionel Messi e Luis Suárez.

Paulinho comemorando gol ao lado de Suárez pelo Barcelona (Reprodução/Internet)

Outro que se beneficia disso, é o Corinthians, pois o mecanismo de solidariedade da Fifa define que uma porcentagem do valor da transferência deve ser pago aos clubes formadores. O alvinegro paulista, portanto, receberá uma parte desse dinheiro.

Com isso, o clube paulista volta a lucrar com o volante, que deixou o time em 2013. No ano passado, recebeu R$ 1,1 milhão quando ele deixou o Guangzhou Evergrande para defender o Barcelona.

Paulinho estava com a Seleção Brasileira na Copa do Mundo, onde participou de cinco jogos e marcou um gol, no jogo contra a Sérvia.

Matheus Carvalho

Sobre Matheus Carvalho

Matheus Carvalho já escreveu 100 posts nesse site..

Sou Matheus Carvalho, carioca, tenho 19 anos e curso Jornalismo. O esporte sempre esteve na minha vida e provavelmente sempre estará. E como todo brasileiro sou apaixonado por futebol

Please follow and like us:
Facebook
Facebook
YouTube
YouTube
Instagram

Comments

comments

Matheus Carvalho
Matheus Carvalho
Sou Matheus Carvalho, carioca, tenho 19 anos e curso Jornalismo. O esporte sempre esteve na minha vida e provavelmente sempre estará. E como todo brasileiro sou apaixonado por futebol

Artigos Relacionados

Topo