Gabriel Jesus: “Parece que tiraram um pedaço de mim”

Após eliminação para a Bélgica e seca de gols, o camisa 9 da Seleção Brasileira desabafou e diz temer o que pode acontecer daqui para frente com sua autoconfiança
Gabriel Jesus: “Parece que tiraram um pedaço de mim”

Sem marcar um gol na Copa da Rússia, Gabriel Jesus é um dos alvos das críticas à Seleção Brasileira. Carregado de bastante expectativas pelo que vinha fazendo nas eliminatórias e nos amistosos, o camisa 9, função de quem historicamente é fazer gols, frustrou boa parte dos torcedores canarinhos.

Toda essa cobrança é um dos motivos que deixa Gabriel, de apenas 21 anos, incerto de como será daqui para frente.

“É frustrante. Individualmente falando, me cobro muito, trabalhei muito. É difícil, você abdicar de muitas coisas para chegar num torneio tão grande. Todos sabem que é um sonho. Logo ali, depois da estreia, virou uma obsessão. Agora vai ser difícil assimilar isso. Parece que tiraram um pedaço de mim”, explicou.

“Cada campeonato na minha vida eu procuro levar como aprendizado. Hoje, acho que levei de aprendizado o que é viver isso. Não sei, cara. Dá até medo do que pode acontecer, do que eu possa achar de mim mesmo, é complicado. Medo de achar, da confiança sair. É difícil”, completou.

Sobre Leonardo José

Leonardo José já escreveu 355 posts nesse site..

Sou o Leonardo José, jovem alagoano, estudante de jornalismo e esquerdista. O esporte, a filosofia e a sociologia correm em minhas veias simultaneamente. Louco pelo futebol latino e prefiro Libertadores à Champions League. No Brasil, clássicos como CSA x CRB, Sampaio Correa x Moto Club e ABC x América-RN são bem mais emocionantes que Flamengo x Vasco, Cruzeiro x Atlético-MG e Corinthians x Palmeiras. Para você, leitor, não se cansar lendo minha biografia, finalizo dizendo que "todos os detalhes e os bastidores da vida precisam ser olhados com atenção".Twitter: @leo_silva997

Please follow and like us:
Facebook
Facebook
YouTube
YouTube
Instagram

Comments

comments

Leonardo José
Sou o Leonardo José, jovem alagoano, estudante de jornalismo e esquerdista. O esporte, a filosofia e a sociologia correm em minhas veias simultaneamente. Louco pelo futebol latino e prefiro Libertadores à Champions League. No Brasil, clássicos como CSA x CRB, Sampaio Correa x Moto Club e ABC x América-RN são bem mais emocionantes que Flamengo x Vasco, Cruzeiro x Atlético-MG e Corinthians x Palmeiras. Para você, leitor, não se cansar lendo minha biografia, finalizo dizendo que "todos os detalhes e os bastidores da vida precisam ser olhados com atenção".Twitter: @leo_silva997

Artigos Relacionados

Topo